Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/85495

TitleLicenciandos em ciências biológicas e suas representações sociais sobre ser professor de ciências
Other titlesSocial representations of biology initial training students about being a teacher
Author(s)Oliveira, Luciani
Júnior, Carlos Albeto de Oliveira Magalhães
Pansera-de-Araújo, Maria Cristina
Carvalho, Graça Simões de
KeywordsEvocação livre de palavras
Professor de biologia
Profissão docente
Identidade docente
Issue date2023
PublisherUniversidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
JournalEnsino e Tecnologia em Revista
CitationOliveira. L., Júnior, C.A.O.M., Pansera-de-Araújo, M.C. & Carvalho, G.S. (2023). Licenciandos em ciências biológicas e suas representações sociais sobre ser professor de ciências. Ensino e Tecnologia em Revista, 7 (2), 546-560.
Abstract(s)Tem-se vindo a propor mudança de postura dos professores no sentido de terem olhar crítico e transformador mediante ações em sala de aula. Esta investigação teve o propósito de identificar as representações sociais (RS) que os alunos do último período de um curso de Licenciatura em Ciências Biológicas têm sobre o que é ser professor. Aos 19 graduandos (5 homens; 14 mulheres) foi aplicado o Teste de Associação Livre de Palavras. Cada estudante registrou as cinco primeiras palavras que viessem à mente em um papel contendo o termo indutor Ser Professor de Ciências e depois classificou-as de um a cinco, em função da importância relativa. Redigiram ainda um pequeno texto sobre o significado de cada palavra evocada. As palavras foram semanticamente agrupadas em 23 grupos e, da análise da Frequência e da Ordem Média de Evocação, emergiram os elementos das RS para discussão, em que o primeiro quadrante, que representa o núcleo central das RS, teve cinco elementos: Conhecimento, Formação continuada, Responsabilidade, Estudo e Conteúdo, que são apresentados e discutidos. Verificou-se ser necessário atuar em favor de modificações das concepções de futuros professores na direção de ações mais próximas à realidade e que respondam aos anseios de suas representações sociais.
It has been proposed to change the attitude of teachers in order to develop a critical and transforming vision through actions in the classroom. This investigation aimed at identifying the social representations (SR) of students of the last period of a Biology initial training course about what being a teacher is. The 19 undergraduate students (5 men; 14 women) were given the Free Word Association Test. Each student recorded the first five words that came to mind on a paper containing the inductive term “Being a Science Teacher” and then ranked them from one to five, according to their relative importance. They also wrote a short text about the meaning of each word evoked. The words were semantically grouped into 23 groups and, from the analysis of Frequency and Mean Order of Evocation, the elements of the SR emerged for discussion, where the first quadrant, which represents the central nucleus of the SR, had five elements: Knowledge, Continuing education, Responsibility, Study and Contents, which are presented and discussed. It was found to be necessary to act in favour of changes in the conceptions of future teachers towards actions closer to reality and that respond to the aspirations of their social representations.
TypeArticle
URIhttps://hdl.handle.net/1822/85495
DOI10.3895/etr.v7n2.16800
ISSN2594-3901
Publisher versionhttps://periodicos.utfpr.edu.br/etr/article/view/16800
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEC - Artigos (Papers)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ETR_Licenciandos_SerProf.pdf600,72 kBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID