Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/54510

TítuloIdentidades cruzadas: História do Cerco de Lisboa e Geschichte Der Belagerung Von Lissabon
Outro(s) título(s)Intersected identities: História do cerco de lisboa and geschichte der belagerung von Lissabon
Autor(es)Grossegesse, Orlando
Palavras-chaveMetaficção tradutológica
Hibridismo cultural em tradução
Metafiction about translation
Cultural hybridity in translation
Data2015
EditoraUniversidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
RevistaCadernos de Tradução
Resumo(s)É sabido que o romance História do Cerco de Lisboa empreende uma revisão da origem da identidade portuguesa revelando a sua frágil base histórica, no sentido de hibridismo cultural. Este estudo mostra como a narração da procura problemática da origem histórica está cruzada com a procura da origem do texto. Ao analisar a densa rede intertextual, na qual se emaranha a revisão criativa de Raimundo Silva, fica patente que a questão central desta metaficção historiográfica é menos a revisão do que a tradução. Nesta base, a aventura da leitura / escrita, empreendida neste romance, torna-se uma questão de identidades cruzadas, no caso da tradução para alemão que tem de lidar com a afinidade cultural do leitor com os Cruzados.
It is well known that the novel The History of the Siege of Lisbon undertakes a revision of the origin of Portuguese identity by revealing the fragile historical fundament in the sense of a culture’s hybridity. This study argues that in this story the problematic search for ‘pure’ historical origin is intertwined with the search for ‘pure’ text. By analyzing the dense intertextual net of Raimundo Silva’s doubtful and creative proof-reading it becomes evident that it is less a question of proof-reading than of translating that is at stake in this historiographic metafiction. From this perspective the adventure of reading / writing turns out to be a question of criss-crossed identity when the implied reader is not Portuguese but, in the case of this translation, German: the new text has to tackle with the reader’s cultural affinity with the Crusaders.
Tipoarticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/54510
DOI10.5007/2175-7968.2015v35nesp1p109
ISSN1414-526X
Versão da editorahttps://periodicos.ufsc.br/index.php/traducao/article/view/2175-7968.2015v35nesp1p109
Arbitragem científicayes
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:CEH - CLit - Revistas

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2015_HIS_CadernosTradução35_1.pdf285,7 kBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis