Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/4720

TitleSexualidade na gravidez e após o parto
Author(s)Silva, Ana Isabel
Figueiredo, Bárbara
Issue date2005
PublisherHospitais Universitários de Coimbra. Clínica Psiquiátrica
JournalPsiquiatria Clínica
Citation"Psiquiatria Clínica". 3:25 (2005) 253-264.
Abstract(s)O período de gravidez e pós-parto é caracterizado por mudanças biológicas, psicológicas, relacionais e sociais intensas, que podem ter uma influência directa e indirecta na vivência da sexualidade. Sendo este uma fase de transição, que implica novos equilíbrios e adaptações, é também um momento particularmente propício a uma nova integração da sexualidade. Esta integração poderá levar a um aprofundamento da vivência sexual na relação do casal ou, pelo contrário, desencadear o início de dificuldades várias, conduzindo a disfunções e problemas com impacto negativo na saúde física e psicológica da gestante e do seu companheiro. As investigações levadas a cabo nesta área, que apresentamos no presente artigo, indicam que a gravidez e o pós-parto constituem uma fase crítica para o início ou agravamento de problemas sexuais, na medida em que, desejo, interesse e actividade sexual tendem a diminuir, durante este período. O impacto dos resultados empíricos ao nível da intervenção psicológica na transição para a parentalidade é também analisado.
The period of pregnancy and after childbirth is characterized by biological, psychological, relational and social changes that can have a direct and indirect influence in experiencing sexuality. Being this a changing phase, that implies new balances and adaptations, it is also a particularly propitious phase for a new integration in sexuality. This integration could lead to a deepening of the sexual experience in the couple or, on the other hand, to unchain the beginning of several difficulties, leading to disfunctions and problems with negative impact in the physical and mental health of the pregnant women and her partner. In the present article, we present research that indicates that pregnancy and the after-childbirth constitute a critical phase for the beginning or worsening of sexual problems, seeing that, desire, interest and sexual activity tends to diminish, during this period. The impact of the empirical results on a psychological intervention level in the transition to parenthood was also analyzed.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/4720
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIPsi - Artigos (Papers)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SEXUALIDADE NA GRAVIDEZ.pdfdocumento pdf188,61 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID