Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/45523

TitleSobredotação em contexto escolar e familiar: entrecruzando olhares
Author(s)Cruz, Judite Zamith
Carvalho, Maria de Lurdes Dias de
KeywordsSobredotação
Escola
Insucesso Escolar
Família
Giftedness
School
School failure
Familiy
Issue date2016
PublisherLEGS e.V. - Leipzig Experts in Global Sport e.V.
Abstract(s)“Sei que apesar de ter tido notas mais baixas este ano, devido a fatores emocionais, com a nossa ajuda será feliz," Esse é um voto do pai de Paulo, hoje com 8 anos de idade, mas “identificado como sobredotado aos 6 anos”, podendo sistematizar o enfoque desta investigação qualitativa. O seu testemunho foi complementado e entrecruzado com o apercebimento pessoal da professora de inglês, nas Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC). Debate(m)-se 0(5) conceito(s) de sobredotação, a condição e influencia familiar, educativa e sociocultural de Paulo. Equacionam-se critérios de sobredotação e de intervenção educativa: a diversidade de fontes de informação, os agentes de avaliação e os instrumentos utilizados. Quanto maior for o conhecimento concernente a áreas do desenvolvimento e do saber, melhor o/a docente enquadra as competências, necessidades, emoções, expectativas e situações em que interage com os alunos. O principal objetivo do presente estudo centra-se na necessidade de conhecer o aluno através de diferentes olhares de agentes educativos, com vista a melhorar o processo educativo e o bem-estar da criança sobredotada, em contexto escolar e familiar. No Estudo de Caso, descritivo e interpretativo, a entrevista foi associada a ocorrência de “incidentes críticos", ou seja, a circunstâncias refletidas, como «casos especiais problemáticos ou significativos» (Rosales, 1991, p. 209). Recorreu-se a diferentes técnicas e instrumentos de recolha de dados: pesquisa documental e entrevistas semiestruturadas aos adultos já referidos. Hoje, sinalizada a "sobredotação", Paulo encontra-se em situação de (auto)exclusão na aula e na escola. O pai sintetiza as ideias centrais do estudo: “A sociedade está em constante evolução tal come 03 estudos que se fazem constantemente sobre a sobredotação. Espero que um die, as escolas sejam mais inclusivas. A teoria já existe mas é preciso pô-la em pratica, criando os mecanismos necessários para a plena integração social das crianças, adolescentes e adultos."
“Paulo has lower scores this year, because of emotional factors. With our [parents] help, he will be happy." This is a vote of the father of Paul, with 8 years old, but "identified as gifted since 6 years". His words can systematize the focus of this text. The father's testimony was supplemented with the words of an English teacher, for a program of Enrichment Activities. We discuss the concept of giftedness, the condition and influence of the family, and of the educational and socio—cultural support of Paul. We compare the criteria of giftedness and educational intervention: the diversity of information sources, the evaluation of educators, and the instruments. With more knowledge concerning the developmental area, the teachers fit the skills, the needs, the emotions, the expectations and the interaction with students. The primary objective of the present study is to understand the student, through different perspectives to improve the educational process and the well being of a gifted child, in school and family context. In the case study, descriptive and interpretive, the interview was associated with "critical incidents", the reflected circumstances, as "problematic or significant special cases" (Rosales, 1991, p. 209). We used different techniques and instruments: documentary research, and semi-structured interviews to adults Today, with his label of “giftedness”, Paul is in a situation of self-exclusion, in the classroom and school. The father also summarizes the central ideas of the study: "Society is constantly evolving as the studies that are constantly on giftedness. One day, I hope that schools will be more inclusive. The theory already exists, but we need to put theory into practice, by creating the necessary mechanisms for the full social integration of children, adolescents and adults.”
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/45523
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEd - Textos em volumes de atas de encontros científicos nacionais e internacionais
CIEC - Comunicações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Zamith-Cruz&Carvalho2016_Sobredotacao.pdfComunicação27,11 MBAdobe PDFView/Open
Sobredotação em contexto escolar e familiar.pdfApresentação390,7 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID