Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/35649

TitleRepresentações da infância no manual escolar: uma abordagem linguística dos textos de manuais do 4.º ano de português
Author(s)Castro, Teresa da Conceição Mendes de
Advisor(s)Ramos, Rui Lima
Issue date9-Jun-2014
Abstract(s)A presente investigação tem por base os princípios teóricos e metodológicos da Análise Linguística do Discurso, mas também da Pragmática Linguística, da Linguística Textual, das teorias da Enunciação e do Interacionismo Sociodiscursivo. Recebe, ainda, influência do campo da Sociologia, mais especificamente da Sociologia da Infância, no intuito de entender a criança enquanto indivíduo que é parte integrante e participante de uma sociedade. Com consciência da enorme importância que os manuais escolares assumem no processo de ensino e aprendizagem, analisam-se os textos dos manuais de Português do 4.º ano de escolaridade para elencar as imagens que os mesmos constroem da criança e da infância. Desvendam-se os reportórios interpretativos selecionados no material verbal que tornam possível a evocação de frames capazes de normalizarem as formas de estar e de agir das crianças-personagens dos textos, transformando essas imagens mentais em imagens prototípicas das crianças em geral. Classificam-se os textos segundo a sua sequência dominante e procura-se perceber as caraterísticas de cada tipologia e a função pragmática que desempenham junto dos leitores eleitos. Desvendam-se as expressões referenciais de criança para perceber as estratégias utilizadas pelo enunciador para referir as crianças e os seus mundos. Percorrem-se os espaços físicos em que se movimentam as crianças dos textos para identificar os espaços prototípicos das crianças. Paralelamente, elencam-se as atividades que as mesmas crianças realizam e que representam as atividades que a sociedade atribui como próprias para as crianças. Desvenda-se a presença da voz das crianças na materialidade linguística dos textos, identificando as estratégias enunciativas que permitem inscrever (ou não) essa voz nos mesmos. De forma complementar, analisam-se os papéis que as ilustrações desempenham junto desses mesmos textos. Cada um dos tópicos de estudo é complementar aos restantes, construindo um todo significativo que permite perceber o que os autores dos textos/manuais, em primeira instância, e os poderes instituídos (e a sociedade), em última instância, consideram ser as imagens que importa normalizar das crianças e da infância.
This research builds on the theoretical and methodological principles of Linguistic Discourse Analysis, as well as of Linguistic Pragmatics, Text Linguistics, theories of Enunciation and Socio-discursive Interactionism. This research also receives the influence of Sociology, more specifically Sociology of Childhood, in order to understand the child as an individual who is an integrating part and member of a society. Cognisant of the great importance that school textbooks undertake in the process of teaching and learning, we analyse the texts from the Portuguese textbooks of the 4th grade in order to list the images of the child and childhood that they build. Through the selected verbal material, interpretative repertoires are revealed which enable the evocation of frames capable of normalising ways of being and acting of the childrencharacters of the texts, transforming these mental images into prototypical images of children in general. Texts are classified according to their dominant sequence, and we seek to understand the characteristics of each typology and pragmatic function they perform among elected readers. Referential expressions of the child are revealed to understand the strategies used by the enunciator to refer to children and their worlds. We analyse the physical spaces in which the children of the texts move to identify the prototypical spaces of children. Furthermore, we list the activities that the same children perform and which represent the activities that society ascribes as suitable for children. We also uncover the presence of the children's voice in the linguistic materiality of the texts, identifying the enunciative strategies that allow to record (or not) that voice in them. As a complement, we analyse the roles that illustrations represent among those same texts. Each topic of study complements the others, building a meaningful whole which allows to acknowledge what, on one hand, the authors of the texts/textbooks, and, on the other hand, the established powers (and society) consider to be the images of children and childhood which are important to normalise.
TypeDoctoral thesis
DescriptionTese de doutoramento em Estudos da Criança (ramo do conhecimento em Estudos da Língua Portuguesa)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/35649
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Teses de Doutoramento
CIEd - Teses de Doutoramento em Educação / PhD Theses in Education

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Teresa da Conceição Mendes de Castro.pdf3,96 MBAdobe PDFView/Open
Anexos.zip38,57 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID