Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/9886

TitleAvaliação da sustentabilidade na construção : propostas para o desenvolvimento de edifícios mais sustentáveis
Author(s)Mateus, Ricardo
Advisor(s)Bragança, L.
KeywordsConstrução
Sustentabilidade
Desempenho
Construction
Sustainability
Performance
Issue date24-Sep-2009
Abstract(s)A presente dissertação apresenta o conceito “Construção Sustentável” como um resultado espectável para o desenvolvimento da indústria da construção, principalmente do sector dos edifícios, tendo por base o contexto actual do mercado da construção. A indústria da construção, principalmente o sector dos edifícios, apresenta uma elevada interligação com as três dimensões do desenvolvimento sustentável (ambiente, sociedade e economia). A construção sustentável é um conceito multidimensional que é baseado no desempenho de uma construção ao nível de cada uma das referidas dimensões. Este conceito está relacionado com a redução do consumo de energia não renovável, materiais e água e ainda da produção de emissões, resíduos e poluentes. Para que um edifício seja sustentável é necessário que durante o seu ciclo de vida se respeitem, entre outras, as seguintes prioridades: optimizar o potencial do terreno; preservar a identidade cultural regional; minimizar o consumo de energia; proteger e preservar os recursos de água; utilizar materiais e produtos de construção eco-eficientes; manter um ambiente interior saudável e confortável; optimizar as práticas de utilização e de manutenção; e reduzir dos custos de ciclo de vida. Os sistemas de avaliação e certificação da sustentabilidade de edifícios têm um papel importante no projecto, construção, utilização, manutenção e desmantelamento de um edifício que se pretenda sustentável, pois promovem e tornam possível uma melhor integração entre os aspectos ambientais, sociais (incluindo os de desempenho) e económicos com outros critérios tradicionais de decisão. Estes sistemas envolvem as diferentes relações entre os sistemas construído, ambiental e social e têm como principal propósito a recolha e comunicação de informação para ser usada como suporte nos principais processos de decisão que ocorrem nas diferentes fases da construção, projecto e utilização de um edifício. Desta forma, a avaliação da sustentabilidade envolve centenas parâmetros, sendo muitos deles interdependentes e em parte contraditórios. De forma a lidar com esta complexidade e para se suportar os processos de decisão que tenham como objectivo a concepção de edifícios mais sustentáveis, é necessário desenvolverem-se abordagens sistemáticas, holísticas e que possam ser utilizadas na prática pelos principais decisores do ciclo de vida dos edifícios. Actualmente, o principal desafio passa pelo desenvolvimento de uma metodologia sistemática que possa ser utilizada, na fase de projecto, para se alcançar o balanço mais apropriado entre as diferentes dimensões da sustentabilidade, e que seja simultaneamente prática, transparente e suficientemente flexível para que possa ser facilmente adaptada a diferentes tipos de edifícios e de tecnologias. Esta dissertação tem como objectivo a apresentação de uma resposta ao desafio supramencionado, através do desenvolvimento de uma nova abordagem para uma metodologia de avaliação da sustentabilidade dos edifícios que considera o desempenho de um edifício ao nível das três dimensões do desenvolvimento sustentável. O objectivo da metodologia que será apresentada, intitulada “Metodologia de Avaliação Relativa da Sustentabilidade de Edifícios de Habitação – MARS-H” é a avaliação da sustentabilidade de edifícios novos, existentes e renovados, situados nas áreas urbanas e especialmente nos contextos ambiental, sociocultural e económico de Portugal. Esta nova abordagem foi desenvolvida de modo a promover a sensibilização dos principais decisores do mercado da construção em Portugal e a implementação de políticas e soluções adequadas à construção sustentável.
This thesis presents the “Sustainable Construction” concept as logical outcome in the development of the construction industry, mainly of the buildings cluster, in the actual context of the construction market. Construction and real estate sector affects each three dimensions of sustainable development (environment, societal and economy). Sustainable construction is a multidimensional concept that is based in the performance of a construction at the level of each of the three dimensions. This concept copes with reducing the use of non-renewable energy, materials and water as well as production of emissions, waste and pollutants. The following goals can be found in several agendas: optimization of site potential; preservation of regional and cultural identity; minimization of energy consumption; protection and conservation of water resources; use of environmentally friendly materials and products; healthy and convenient indoor climate; optimized operational and maintenance practices; and minimization of life-cycle costs. Building sustainability assessment and rating systems are intended to foster more sustainable building design, construction, operation, maintenance and disassembly/deconstruction by promoting and making possible a better integration of environmental, societal (including performance), functional and cost concerns with other traditional decision criteria. It involves various relations between built, natural and social systems and the purpose is to gather and report information for decision-making during different phases of construction, design and use of a building. Therefore it comprises hundreds of parameters, most of them interrelated and partly contradictory. To cope with this complexity and to support the sustainable building design it is necessary to develop systematic, holistic and practical approaches. Nowadays, the main aim is to develop a systematic methodology to support building design that achieves the most appropriate balance between the different sustainability dimensions, and that is at the same time practical, transparent and flexible enough to be easily adapted to different kinds of buildings and technologies. In order to cope with the abovementioned goal at the national level, this thesis aims to present a novel approach for a building sustainability assessment methodology that takes into account the performance of a building at the level of the three different dimensions of sustainability. The scope of the methodology that is going to be presented, named “Metodologia de Avaliação Relativa da Sustentabilidade de Edifícios de Habitação - MARS-H” (translated to English as “Metodology for the Relative Sustainability Assessment of Residential Buildings”) is to assess the sustainability of existing, new and renovated residential buildings in the urban areas and especially in the Portuguese environmental, socio-cultural and economy contexts. This new methodology is intended to foster the awareness of the Portuguese construction market stakeholders and to allow adequate policy and solutions implementation on sustainable construction.
TypeDoctoral thesis
DescriptionTese de doutoramento em Engenharia Civil (ramo do conhecimento Processos de Construção)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/9886
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Teses de Doutoramento
C-TAC - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Doutoramento_Ricardo Mateus_2009.pdf12,83 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID