Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/85060

TitleO 5 de julho e o 13 de janeiro na imprensa Cabo-verdiana: cobertura jornalística nos jornais A Semana e Expresso das Ilhas entre 2007 e 2012
Author(s)Borges, Carlos Alberto Sá Nogueira
Advisor(s)Cabecinhas, Rosa
Correia, João Carlos
KeywordsCobertura jornalística
Análise de conteúdo
Cabo Verde
A Semana
Expresso das Ilhas
News coverage
Content analysis
Issue date9-Jun-2023
Abstract(s)Este trabalho tem por escopo a análise da cobertura jornalística sobre duas efemérides que marcaram o processo de formação sociopolítica e institucional de Cabo Verde: o 5 de julho de 1975 e o 13 de janeiro de 1991. A primeira data, 5 de julho de 1975, reporta à proclamação da Independência Nacional que culminou décadas de luta política, ideológica, social, cultural e militar que abrangeu os territórios africanos que no curso do século passado ainda se encontravam sob o domínio colonial português, cada um deles com as suas especificidades. A segunda data, 13 de janeiro de 1991, corresponde ao processo de transição para a democracia que se materializou na abertura ao multipartidarismo, na abolição da censura e instauração da liberdade de imprensa, tudo isso tendo conduzido às primeiras eleições legislativas democráticas, por sufrágio direto e secreto dos cidadãos. Esta dissertação visa analisar a cobertura destas efemérides nos dois principais órgãos de comunicação social impressos em Cabo Verde – A Semana e o Expresso das Ilhas –, considerando essencialmente a produção discursiva de cada um deles, essencialmente refletida nas peças jornalísticas - notícias, reportagens, editoriais e entrevistas. Regista-se que, de per si, as ideologias dos jornalistas aparentemente não influenciaram as narrativas veiculadas pelos jornais, tendo-se os jornalistas pautado pela transmissão fiel das mensagens dos agentes políticos. Por outras palavras, a ideia de jornalistas constituírem uma comunidade interpretativa não está patente nos diversos discursos mediáticos. No entanto, o que se verificou foi um agendamento noticioso alinhado com determinadas premissas ideológicas expressas nos discursos dos principais partidos políticos que operam na cena política cabo-verdiana. Importante aqui, também, é registar a escassez de estudos sobre a construção histórica que se regista em torno dessas duas datas referenciadas. Por fim, queríamos salientar que o discurso jornalístico operado na imprensa escrita cabo-verdiana que constituiu o nosso corpus de estudo refletiu o dualismo político e, de certa forma, apresenta-se de modo polarizado.
This paper scope is the news coverage analysis of two events that stood out the process of Cabo Verde socio-political and institutional formation – the July 5, 1975 and the January 13, 1991 - in two major print media outlets “A Semana” and “Expresso das Ilhas”, which are our corpus of study between the years 2007 and 2012. The first date refers to the proclamation of national Independence that culminated decades of political, ideological, social, cultural, and military struggle that covered the African territories that in the past century were still under the Portuguese colonial empire, each of them with their specificities. The second date, January 13, correspond to the process of transition to democracy and the opening to multipartyism, the abolition of censorship, and establishment of freedom of the press, all of which led to the first democratic legislative elections, by direct and secret ballot of the citizens. This dissertation seeks to analyze the coverage of these two dates in the two newspapers, focusing on the discursive production of each, as reflected in journalistic pieces - news, reports, editorials, and interviews. We observed a news agenda aligned with certain ideological premises expressed in the speeches of the main political parties operating in the Cabo Verdean political scene. It is also important here to note the scarcity of studies on the historical construction around these two referenced dates. Finally, we would like to point out that the journalistic discourse operated in the Cabo Verdean written press that constituted our corpus of study reflected political dualism and, to some extent, ended up being presented in a polarized manner.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Ciências da Comunicação (especialização em Informação e Jornalismo)
URIhttps://hdl.handle.net/1822/85060
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Carlos Alberto Sa Nogueira Borges.pdfDissertação de Mestrado1,05 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID