Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/838

TitleEconomic intelligence in university-industry interactions
Author(s)Marques, Ana Paula Amorim
Issue date1997
Abstract(s)A importância de analisar o papel de interacções Universidade-Empresa (e, em particular, a valorização de resultados I&D) no âmbito do desenvolvimento regional deve-se aos seguintes factos: 1. A mudança tecnológica é o factor central do desenvolvimento económico; 2. Os esforços comunitários para incrementar a capacidade de inovação da economia Europeia têm de ser suportados por estratégias regionais de inovação no âmbito de políticas de desenvolvimento regional; 3. A Europa tem uma capacidade limitada em transformar potencial cientifico e teconológico em sucessos industriais e comerciais (isto e, inovações rentáveis). Esta dissertação mostrará que: . A valorizaçãode resultados de 1&D é um factor chave no reforço da dimensão regional da inovação; no entanto, . As interacções Universidade-Empresa, de acordo com o novo paradigma da mudança tecnológica devem orientar-se segundo as necessidades do mercado(modelo demandpull) e não ter origem na Ciência e Tecnologia- C&T (modelotechnology-push). Esta contradição (aparente), cria a necessidade de aplicar ‘inteligência económica’ às interacções Universidade-Empresa, de forma, a contribuir para um desenvolvimento económico sustentado a nível regional. Assim, esta dissertação propõe e define um sistema de inteligência económica regional (SIER) para regular e melhorar a eficácia das interacções Universidade-Empresa (em particular, a exploração de resultados de I&D), com o objectivo de permitir à região adaptar politicas de C& T às mudanças das necessidades tecnológicas do mercado . Esta dissertação. ao aplicar o conceito de inteligência económica a interacçôes Universidade Empresa, analisa com maior profundidade o papel dos sistemas de inovação regionais no desenvolvimento económico regional: 1. Sistematiza e detalha conceitos presentes na literatura existente sobre sistemas e estratégias de inovação regionais, nomeadamente a necessidade de implementar infra-estruturas especiais, tais como, observatório regional de inovação; mecanismos de prospecção, e organizações de apoio à inovação (OAl); 2. Em particular, demonstra a necessidade de uma maior intervenção dos governos (regionais) e das OAI nos sistemas de inovação regionais. Este trabalho salienta, ainda, dois outros aspectos importantes quanto ao SIER: 3. A disseminação de rinformação para promover a exploração de resultados de I&D deve basear-se em dois mecanismos de transferência de tecnologia (difusão electrónica e 'ponto-a-ponto'); 4. Não existe uma metodologia apropriada para medir o perfil de inovação das PMEs, o que põe em causa a avaliação da eficáciado SIER em melhorar a capacidade de inovação das mesmas e, em instância, a coerência do SIER e das políticas de C&T.
The relevance of researching the role of University-Industry interactions (and in particular, the exploitation of R&D results) in the context of regional development is due to the following facts: 1. Technical change is the driving force behind economic development; 2. Community efforts to improve the innovative potential of European economy have to be met with regional innovation strategies in a context of regional development policies; 3. Europe has a limited capacity to convert scientific and technological (S&T) potential into industrial and commercial success (i.e. viable innovations). This dissertation will show that : . The exploitation of R&D results is a key factor in strengthening the regional dimension of innovation; however, . University-industry interactions, according to the new paradigm of technical change, should follow a demand-pull route instead of a technology-push one. The (apparent) contradiction of the above facts leads to the necessity of applying economic Intelligence to university-industry interactions in order to contribute to sustainable regional economic development. Therefore, this dissertation proposes and defines a regional economic intelligence system to regulate and improve the effectiveness of university-industry interactions (in particular. the exploitation of R&D results), with the objects or allowing the region to adapt S&T policies to changing technological demands on a continuous basis. This dissertation by applying the concept of economic intelligence in university-industry interactions, for a more in-depth ana1ysis of the role of a regional innovation system in the context of regional economic development: 1. It systematises and details concepts present in existing literature regarding regional Innovation system sand strategies, namely that requires the set-up of special infrastructures, such as a regional innovation observatory; environmental scanning mechanism, and innovation support organisations(ISOs). 2. In particular; it shows that (regional) governments and ISO's have to have a more interventionist role in the regional innovation system than previously proposed. In addition this dissertation highlights two other aspects regarding the REIS, namely: 3. The dissemination of information to promote the exploitation of R&D results should Be based on two different technology transfer mechanisms (electronic diffusion and Point-to-point transfer); and 4. There is no suitable methodology to measure the innovation profile of sees which hinders the evaluation of the effectiveness of the regional economic intelligence system in developing the innovative capacity of the SME’s, and ultimately, the coherence of the REIS and regional policies.
TypemasterThesis
URIhttp://hdl.handle.net/1822/838
AccessopenAccess
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
DI/CCTC - Dissertações de Mestrado (master thesis)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ana marques.pdf3,11 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis