Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/8087

TitleAs representações sociais e profissionais de mau-trato infantil dos profissionais da infância
Author(s)Martins, Paula Cristina
KeywordsMaus-tratos infantis
Representações
Issue date2000
Citation“Infância e Juventude”. 1 (2000) 45-66.
Abstract(s)A definição do problema dos maus-tratos infantis, nas suas múltiplas formas, quer do ponto de vista conceptual, quer operacional, reveste-se de extraordinária importância, afectando a compreensão do fenómeno, a sua investigação e intervenção. Ora, se esta definição tem determinações sociais, históricas e culturais estruturantes da configuração actual, é inegável o papel dos profissionais que trabalham com crianças e, em especial, neste domínio, na atribuição de sentido e conteúdo às várias designações usadas para dizer o mau-trato, na sua diversidade e complexidade. Por tudo isto, porque as concepções de mau-trato não se instituem por decreto, e antes de serem ditas, devem ser escutadas, em especial de quem, certamente, tem uma palavra a dizer sobre o assunto, procurou-se, na investigação aqui sintetizada, explorar as noções dos profissionais sobre o que constitui mau-trato infantil.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/8087
AccessOpen access
Appears in Collections:DCEC - Artigos (Papers)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
As representações sociais e profissionais de mau-trato infantil dos profissionais da infância.pdfDocumento principal118,01 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID