Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/7714

TítuloA racionalidade comunicativa: contributos para a educação de adultos
Autor(es)Silva, Maria do Rosário do Amaral Soares da Costa Moreira da
Orientador(es)Barbosa, Fátima Maria Bezerra
Data3-Mar-2008
Resumo(s)Este trabalho, intitulado A Racionalidade Comunicativa: contributos para a educação de adultos, é a dissertação de Doutoramento em Educação, área de especialização em Filosofia da Educação, de Maria do Rosário Amaral. É constituído por um índice, indicações preliminares, seis capítulos, sendo o primeiro preambular, uma conclusão e bibliografia. Nas indicações preliminares justificam-se os objectivos da investigação; explica-se a metodologia usada; e indica-se a forma de organização do trabalho. No capítulo preambular problematizamos a tendência para um tipo de cogitação incorporado na vivência contemporânea, fixado na crença de que a uma acumulação de conhecimento correspondem níveis mais elevados de desenvolvimento. As abordagens críticas associam esta visão fragmentada do conhecimento aos efeitos do processo de racionalização crescente na nossa sociedade moderna. Não havendo uma uniformidade de perspectivas, delas se demarcam três posições que consideramos relevantes para a explicação deste mesmo processo: a de Max Weber, a dos teóricos críticos da segunda geração da Escola de Frankfurt e a de Jurgen Habermas, que expomos respectivamente ao longo dos segundo, terceiro e quarto capítulos. No quinto capítulo centramos a nossa atenção na proposta habermasiana sobre a consensualidade dialógica, própria da racionalidade comunicativa, que consideramos de grande valor na educação de adultos. Aludimos aqui também ao facto de Habermas se referir às narrativas como o lugar onde é projectada a atmosfera vivenciada no ‘mundo da vida’. No sexto capítulo trazemos à colação a exigência de auto-questionamento e de reflexão crítica no processo que envolve a educação de adultos; desenvolvemos a ideia de interesse emancipatório e da sua relação intrínseca com o autoconhecimento, sublinhando a valia que para ele podem assumir as narrativas breves. Na conclusão elencam-se, capítulo a capítulo, as principais ilações retiradas do trabalho desenvolvido de acordo com os objectivos da investigação previamente demarcados. Algumas das citações foram vertidas para Língua Portuguesa, de forma a uniformizar o trabalho. A bibliografia, tanto a citada como a consultada, segue a elementar ordem alfabética.
This work, titled The Communicative Rationality: a contribution for the adult education is the dissertation for the Doctorate Degree in Education, area of specialization in Philosophy of Education, by Maria do Rosário Amaral. It includes a table of contents, preliminary indications, six chapters, being the first one an introductory chapter, a general conclusion and bibliography. In the preliminary indications we justify the aims of our investigation; explain the methodology used; and indicate how the work is organized. In the first, introductory, chapter we ponder the tendency for a kind of meditation incorporated in the contemporary experience, set upon the belief that to an accumulation of knowledge levels correspond higher levels of development. The critical approaches associate this fragmented vision of knowledge to the effects of the growing rationalization process in our modern society. Having not a uniformity of perspectives, out of them three are enhanced which we consider relevant to explain this same process: the one of Max Weber, another of the critical theorists belonging to the second generation of the Frankfurt School and finally the perspective of Jurgen Habermas. These perspectives are respectively exposed and interpreted throughout the second, third and fourth chapters. In the fifth chapter we focus our attention in the habermasian proposal about the dialogical consensus, inherent in communicative rationality, which we consider to have high value in adult education. We also allude to the fact that Habermas refers to narratives as the place where the atmosphere experienced in ‘lifeworld’ is projected. In the sixth chapter we refer to the demand of self-questioning and critical reflection in the process which involves adult education; we develop the idea of emancipatory interest and the inherent relation with self-acknowledgement, underlining the value which the short narratives can assume. In the conclusion we list, chapter by chapter, the main inferences obtained from the work developed according to the objectives of the investigation previously referred to. Some of the citations were converted into Portuguese Language, in order to standardize the assignment. Both the bibliography we referred to and the one used for consultation follow alphabetical order.
TipodoctoralThesis
DescriçãoTese de Doutoramento em Educação - Área de Conhecimento de Filosofia da Educação
URIhttp://hdl.handle.net/1822/7714
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:BUM - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
1- Capas Ext. e Int..pdf25,58 kBAdobe PDFVer/Abrir
2- Agradecim..pdf39,03 kBAdobe PDFVer/Abrir
3-Resumo.pdf81,4 kBAdobe PDFVer/Abrir
4- Índice.pdf26,49 kBAdobe PDFVer/Abrir
5 - Rosto -Indicações preliminares.pdf17,87 kBAdobe PDFVer/Abrir
6-Ind. Metod.....pdf45,88 kBAdobe PDFVer/Abrir
7- Corpo do trabalho.pdf639,11 kBAdobe PDFVer/Abrir
8- Bibliografia.pdf28,33 kBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis