Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/75375

Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorRuão, Teresapor
dc.contributor.advisorDuarte Melo, Ana G. S.por
dc.contributor.authorMartins, Cristiane Venâncio de Oliveirapor
dc.date.accessioned2022-01-11T11:22:19Z-
dc.date.available2022-01-11T11:22:19Z-
dc.date.issued2021-06-14-
dc.date.submitted2021-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1822/75375-
dc.descriptionTese de Doutoramento em Ciências da Comunicação (especialidade em Comunicação Estratégica e Organizacional)por
dc.description.abstractEsta investigação é traçada a partir de aspectos gerais da Comunicação Organizacional, passa por uma revisão de percursos feitos pela Comunicação Pública, constitui uma perspectiva de Comunicação Organizacional Pública, até chegar ao ambiente específico da Política de Comunicação Organizacional (PCO), especialmente em organizações públicas. Fizemos uma trajetória do geral para o particular, com o objetivo de perceber fenômenos de significação ocorridos no âmbito das universidades federais brasileiras, entendendo que a PCO é um elo de extrema importância e necessário entre as organizações públicas e sua maior audiência: a sociedade, que criou e sustenta a universidade pública e gratuita brasileira. Para chegarmos a este nível de compreensão, realizamos um estudo aplicado nas estruturas de comunicação das universidades federais, que gerou apontamentos e tendências a respeito de alguns temas relevantes no contexto das práticas comunicacionais, especialmente sobre a Política de Comunicação Organizacional. Os resultados mostraram, por exemplo, que, no nosso universo pesquisado, apenas 30% das universidades têm PCO. Este indicador nos apontou que ainda há um longo caminho a ser percorrido, a partir do momento em que concebemos a real necessidade de uma PCO não só nas universidades, como em todas as organizações públicas, lembrando que a Lei das Estatais, 13.303/16, indica para este caminho. Construímos nosso corpus em duas partes: a primeira sendo um levantamento teórico extenso, que nos deu a base para desenvolver a segunda, um estudo empírico, de caráter quantitativo e qualitativo, nas estruturas de comunicação das universidades federais brasileiras: elas estão se profissionalizando, aos poucos, mas ainda há desequilíbrios, que podem ser amenizados com a implantação de uma PCO. Ao fim da pesquisa, reunimos um conjunto de sugestões diretivas para aqueles desejem um ponto de partida a criação de uma Política de Comunicação Organizacional. Esta viagem ao ambiente comunicacional das universidades federais brasileiras permitiu-nos perceber que o ambiente turbulento e instável dos governos exige uma comunicação precisa e orientada. Por isso, cremos, uma PCO é imprescindível para uma gestão comunicacional organizada e com menos ruídos e riscos para a organização.por
dc.description.abstractThis investigation is traced from general aspects of Organizational Communication, and it goes through a review of paths taken by Public Communication. It constitutes a perspective of Public Organizational Communication, until reaching the specific environment of the Organizational Communication Policy (PCO), especially in public organizations. We drew a trajectory from the general to the particular context, aiming at perceiving phenomena of significance that occurred within the scope of Brazilian federal universities, while understanding that the PCO is an extremely important and necessary link between public organizations and their largest audience: society, which created and funds the Brazilian public and free university. To reach this level of understanding, we conducted an applied study in communication structures of federal universities, which generated notes and trends regarding some relevant themes in the context of communicational practices, especially about the Organizational Communication Policy. The results showed, for example, that, in our surveyed universe, only 30% (thirty percent) of universities have PCO. This indicator pointed out to us that there is still a long way to go, from the moment we conceive the real need for a PCO not only in universities, but in all public organizations, keeping in mind that the Law of State Companies, 13.303/16, indicates this path. We built our corpus in two parts: the first one being an extensive theoretical survey, which gave us the basis to develop the second, an empirical study, of quantitative and qualitative character, in the communication structures of the Brazilian federal universities: they are becoming professional, little by little, but there are still imbalances, which can be mitigated with the implementation of a PCO. At the end of the research, we gathered a set of guiding suggestions for those who want a starting point for the creation of an Organizational Communication Policy. This trip into the communicational environment of Brazilian federal universities allowed us to realize that the turbulent and unstable environment of governments requires precise and targeted communication. For this reason, we believe, a PCO is essential for an organized communication management and with less noise and risks for the organization.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/por
dc.subjectComunicação nas universidades brasileiraspor
dc.subjectComunicação organizacionalpor
dc.subjectComunicação públicapor
dc.subjectPolítica de comunicação organizacionalpor
dc.subjectCommunication in Brazilian universitiespor
dc.subjectOrganizational communication policypor
dc.subjectOrganizational communicationpor
dc.subjectPublic communicationpor
dc.titleAs políticas de comunicação nas organizações públicas: um olhar sobre as universidades federais brasileiraspor
dc.title.alternativeCommunication policies in public organizations: a look at Brazilian federal universitiespor
dc.typedoctoralThesiseng
dc.identifier.tid101647000por
thesis.degree.grantorUniversidade do Minhopor
sdum.degree.gradeBom com distinçãopor
sdum.uoeiInstituto de Ciências Sociaispor
dc.subject.fosCiências Sociais::Ciências da Comunicaçãopor
Appears in Collections:BUM - Teses de Doutoramento
CECS - Teses de doutoramento / PhD theses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TeseDoutoramento_CristianeMartins.pdf4,2 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID