Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/60013

TitleTrabalhos e vidas cruzadas: uma aproximação sociológica ao fenómeno de burnout nas empresas familiares
Other titlesWork and intersecting lives: a sociological approach to the burnout phenomenon in family businesses
Author(s)Rosário, Patrícia Daniela Gonçalves do
Advisor(s)Marques, Ana Paula
KeywordsFamília
Trabalho
Empresa familiar
Burnout
Family
Work
Family business
Issue date2018
Abstract(s)As empresas familiares detêm um peso preponderante na economia da generalidade dos países ocidentais. No caso de Portugal, grande parte das pequenas e médias empresas são familiares, tendo muitas delas surgido nas últimas duas décadas e marcado, cada vez mais, a sua presença, não só em sectores tradicionais, mas também nalguns domínios mais modernos da indústria e dos serviços. Segundo a Associação de Empresas Familiares (AEF), esta realidade afasta a hipótese muitas vezes levantada de a empresa familiar constituir uma figura social e económica em extinção. Em Portugal, prevê-se que as empresas familiares possam representar entre 70% a 80% das empresas nacionais, absorvendo 50% da força de trabalho e contribuindo para 2/3 do PIB. Ainda que se trate de um tema bastante atual e de elevada pertinência, é evidente a escassez de estudos teóricos e empíricos em torno das empresas familiares. Nesta linha de abordagem, o presente trabalho tem como objetivo principal compreender uma aproximação sociológica ao fenómeno designado de burnout e, assim, identificar os motivos e as razões que levam a tal problema no contexto destas empresas. Trata-se, portanto, de um tema que exige uma certa complexidade, dado que é necessário um investimento no trabalho de campo, através de contacto direto com as pessoas, perceber o ambiente em que trabalham/vivem, perceber quais as relações familiares e quais os mecanismos que poderão ter desencadeado o fenómeno de burnout. O presente estudo tem por base o estudo de caso, nomeadamente do setor da restauração, como por exemplo cafés e pastelarias, do concelho de Braga. Será utilizada uma metodologia qualitativa de carácter exploratório, utilizando como técnicas de recolha de dados, numa primeira fase a observação e, num segundo momento, a aplicação de entrevistas semiestruturadas. Pretendemos assim estudar uma realidade de elevada importância, uma vez que as Empresas Familiares têm um impacto preponderante na economia mundial, e eis que Portugal não fica de fora.
Family businesses have a predominant influence in the economy of most western countries. In Portugal, a big part of small and medium-sized businesses are family-run. A lot of them have emerged in the last two decades and they have made a statement, not only in traditional sectors, but also in some other modern areas of industry and services. According to the Associação de Empresas Familiares (AEF), this reality drives away the assumption that family businesses may be a social and economic figure on the verge of extinction. In Portugal, it is believed that family businesses may represent between 70% to 80% of the national businesses, absorbing 50% of the labour force and contributing up to 2/3 of the gross domestic product (GDP). Even though this is a very current and important topic, the lack of theoretical and empirical studies around family businesses is obvious. On this note, the main goal of this work is to take on a sociological approach to the burnout phenomenon and identify the reasons and causes behind it. Consequently, it is a topic that involves some complexity, as it requires an investment in fieldwork. It is necessary to have direct contact with people and it is also important to understand the environment where they work/live, understand how they get along with their families and understand which mechanisms may have triggered the burnout phenomenon. Cafes and bakeries from Braga were the case study. A qualitative methodology of exploratory nature was used and the data collection techniques used were, firstly, the observation and, secondly, the application of a semi-structured interview. Therefore, the intention is to study a reality of great importance, since Family Businesses have a major impact in the world’s economy and, because of that, Portugal is not left out.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Sociologia (área de especialização em Organizações e Trabalho)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/60013
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
3_Dissertacao_PG32206_PatriciaRosario.pdf2,7 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID