Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/56942

TitleDengue, Zika e Chikungunya: superando uma limitação do livro didático a partir de uma questão sociocientífica
Other titlesDengue, Zika and Chikungunya: overcoming a textbook limitation with a socioscientific issue
Author(s)Dionor, Grégory Alves
Martins, Liziane
El-Hani, Charbel Niño
Carvalho, Graça Simões de
KeywordsPedagogical tool
Ferramenta pedagógica
Educação em saúde
Health education
Abordagem socioecológica
Socioecological approach
Issue date2017
PublisherAssociação Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências (ABRAPEC)
CitationDionor, G.A., Martins, L., El-Hani, C.N. & Carvalho, G.S. (2017). Dengue, Zika e Chikungunya: superando uma limitação do livro didático a partir de uma questão sociocientífica. In: Anais XI ENPEC (Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências). Florianópolis, SC, Brasil, 3-6 julho 2017. pp.1-10
Abstract(s)Pesquisas voltadas para a Educação em Saúde apontam a necessidade de ferramentas pedagógicas que viabilizem um ensino contextualizado com a realidade dos estudantes, problematizando questões mais abrangentes relacionadas à saúde. Este estudo objetiva validar uma proposta de ensino baseada em Questões Sociocientíficas (QSC), que aborda a saúde por em uma perspectiva socioecológica. A QSC trata de doenças de grande visibilidade no contexto atual, transmitidas pelo Aedes aegypti: dengue, zika e chikungunya. Para validar a proposta, utilizamos uma validação por pares, por meio de um instrumento elaborado a partir de características típicas de uma QSC e da abordagem socioecológica da saúde. Análises independentes foram feitas por pesquisadores de QSCs e professores de Biologia, sendo realizado tratamento estatístico. Os resultados mostram que a QSC foi validada pelos pares, podendo ser considerada, em princípio, viável para uso em processos de ensino e aprendizagem sobre saúde de uma perspectiva socioecológica.
Researches focused on Health Education point to the need of pedagogical tools that enable a contextualized teaching with the reality of the students, problematizing broader issues related to health. This study aims to validate a teaching proposal based on Socio-Scientific Issues (SSI), which addresses health by a socioecological perspective. SSI deals with diseases of high visibility in the current context, transmitted by Aedes aegypti: dengue, zika and chikungunya. To validate the proposal, we used a validation in pairs, through an instrument elaborated from the typical characteristics of a SSI and the socioecological approach of health. Independent analyzes were done by researchers of SSI and Biology teachers, and statistical treatment was performed. The results show that the SSI was validated in pairs, and can be considered, in principle, feasible for use in teaching and learning processes on health from a socioecological perspective.
TypeConference paper
URIhttps://hdl.handle.net/1822/56942
e-ISSN1809-5100
Publisher versionhttp://www.abrapecnet.org.br/enpec/xi-enpec/anais/listaresumos.htm
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEC - Textos em atas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ENPEC2017-Dengue+Zica.pdf703,79 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID