Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/55143

TitleSlutWalk, feminism, activism and media
Other titlesResenha: Kaitlynn Mendes, 2015. London: Palgrave Macmillan, 232 pp.
Author(s)Cruz, Rui Vieira
KeywordsSlutWalk
Feminismo
Ativismo
Média
Feminism
Activism
Media
Issue date2017
PublisherUniversidade Federal da Paraíba (UFPB)
JournalRevista Gênero e Direito
Abstract(s)“Women should avoid dressing like sluts” - “As mulheres devem evitar vestir-se como galdérias”. Foi esta frase, proferida por um agente de segurança canadiano durante uma intervenção na Universidade de Toronto, que deu o mote para a ampla discussão nas redes sociais online sobre a perpetuação dos mitos da violação. A tónica constante nas mulheres que se vestem de forma considerada provocante, consomem álcool ou manifestam interesse por sexo resulta regulamente na sua culpabilização pelos crimes sexuais de que são vítimas. Este imaginário, aliado à (falsa) imagética social de que as violações ocorrem em becos escuros e perpetrados por alguns vândalos incapazes de controlar a sua libido e luxúria, abriu espaço para a discussão sobre a violência sexual e para a realização das marchas de protesto SlutWalk, unidas pelo slogan “Because We’ve Had Enough”. De que forma é que sair às ruas com a palavra slut escrita nos corpos e/ou em cartazes alerta para a cultura da violação? São estes os tópicos que, na esteira dos estudos dos média e da comunicação, Mendes analisa em oito países ao longo do seu livro.
TypeReview
URIhttp://hdl.handle.net/1822/55143
DOI10.22478/ufpb.2179-7137.2017v6n1.29727
ISSN2179-7137
Publisher versionhttp://www.periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/ged/article/view/29727
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CECS - Artigos em revistas internacionais / Articles in international journals

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_Cruz_SLUTWALK.pdf462,91 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID