Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/54976

TítuloDisponibilidade de investimento em soluções de baixo impacte ambiental
Outro(s) título(s)Investment availability in low environmental impact solutions
Autor(es)Araújo, Catarina
Almeida, Manuela Guedes de
Bragança, L.
Palavras-chaveDisponibilidade de investimento
Impactes ambientais
Utilizadores
Investment availability
Environmental impacts
Users
DataMai-2017
EditoraUniversidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)
CitaçãoAraújo C., Almeida Manuela G., Bragança L. Disponibilidade de Investimento em Soluções de Baixo Impacte Ambiental, EuroElecs 2017 - II Encontro Latino-Americano e Europeu Sobre Edificações e Comunidades Sustentáveis, pp. 577-585, 2526-687X, 2017
Resumo(s)O setor dos edifícios é um dos principais responsáveis para os desafios ambientais do planeta Terra. A diminuição dos impactes ambientais neste sector tem sido um tema amplamente discutido e abrangido por muitas das metas governamentais dos últimos anos. Contudo, a decisão pela aplicação de soluções que efetivamente permitam diminuir os impactes ambientais dos edifícios está muitas vezes do lado do utilizador. Por este motivo, apesar de muitas vezes, algumas soluções terem elevado desempenho e reduzido impacto ambiental, a baixa aceitação por parte dos utilizadores acaba por ditar o seu insucesso. Tendo em conta que esta aceitação está maioritariamente associada a questões económicas, é importante compreender qual a vontade e a disponibilidade de investimento dos utilizadores em medidas de baixo impacto ambiental. Com o presente estudo pretendeu-se analisar concretamente qual o valor que os utilizadores estão dispostos a investir de forma a produzir menores impactes ambientais através dos seus edifícios. Para tal foi levada a cabo uma série de entrevistas a proprietários de edifícios residenciais localizados em Portugal. Os resultados permitiram concluir que embora uma parte da população não esteja disposta a investir neste tipo de questões, a maioria das pessoas está disposta a investir mais para obter menores impactes ambientais.
The building sector is one of the main contributors to the environmental challenges of the planet. The decrease of the environmental impacts of the sector has been a widely discussed theme. This issue has also been embraced by many governmental targets of the last years. However, the decision about whether or not implement sustainable measures is many times on the user’s side. For this reason, despite the high performance and low environmental impact of some solutions, the low acceptance by the consumers dictates its failure. This acceptance is most of the time related to economic issues. Thus, it is important to understand the users’ real investment availability and willingness in low environmental impact solutions. This study intends to analyze the value that the users are willing to pay in order to produce less building-related environmental impacts. An interview and survey campaign to Portuguese building owners was conducted. The results showed that although some of the population (around 25%) did not want to invest more to decrease the building's environmental impact, the majority is willing to pay more in order to obtain environmental benefits.
TipoconferencePaper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/54976
ISSN2526-687X
Versão da editorahttp://www.unisinos.br/eventos/encontro-latino-americano-e-europeu-sobre-edificacoes-e-comunidades-exelecs
Arbitragem científicayes
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:C-TAC - Comunicações a Conferências Internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2816-3-E21_Euro-ELECS 2017.pdf799,14 kBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis