Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/47274

TitleTrauma coletivo: notas sobre um conceito disperso
Author(s)Sylla, Bernhard
KeywordsConceito de trauma
Trauma coletivo
Imunologia
Autoimunidade
Issue date2015
PublisherHúmus
CitationSylla, Bernhard (2015), “Trauma coletivo – notas sobre um conceito disperso”, in Ana Gabriela Macedo, Carlos Mendes de Sousa & Vítor Moura (orgs.), Conflito e Trauma, Vila Nova de Famalicão: Húmus, 461-476
Abstract(s)O conceito de trauma coletivo é um conceito mal delineado e disperso. É essa a opinião comum partilhada pela maioria dos autores que se têm dedicado, nas últimas décadas, a esta temática. E uma vez que se assiste, como afirmam alguns autores, a um aumento inflacionário do discurso corrente sobre o conceito de trauma, é evidente que o desiderato de o circunscrever e determinar melhor também aumenta. O objetivo deste artigo é bastante restrito: em primeira instância, quero chamar a atenção para a problemática do conceito de trauma coletivo, em segunda instância, quero despertar alguma sensibilidade para aspetos quase que paradoxais ou aporéticos do conceito de trauma em geral, recorrendo às reflexões de quatro filósofos sobre o trauma: Adorno, Anders, Derrida e Sloterdijk.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/47274
ISBN978‑989‑755-178-9
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CEPS - Publicações dos investigadores do CEPS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Trauma coletivo publicação.pdf205,95 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID