Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/46685

TítuloTime slows down whenever you are around for women but not for men
Autor(es)Pinho, Margarida Rosa Apolinário de
Orientador(es)Silva, Joana Rodrigues Arantes da
Palavras-chaveSpeed dating
Attraction
Physical attractiveness
Time perception
Atração
Atratividade física
Perceção temporal
Data6-Jul-2017
Resumo(s)What happens when we unexpectedly see an attractive potential partner? Previous studies in laboratorial settings suggest that the visualization of attractive and unattractive photographs influences time. The major aim of this research is to study time perception and attraction in a realistic social scenario, by investigating if changes in subjective time measured during a speed dating are associated with attraction. In the event, the duration of the dates was variable and participants had to estimate the time that passed. Among other measures, participants also rated the potential partners in terms of their physical attractiveness before and after the dates and reported if they would like to exchange contact with them. Results showed that, in a real speed dating situation, when there is a perception of the partner as being physically more attractive, women tend to overestimate the duration of that meeting, whereas men tend to underestimate its duration. Such changes may reflect evolutionary adaptations which make the human cognitive system more responsive in situations related to reproductive fitness.
O que acontece quando inesperadamente vemos um potencial parceiro atraente? Estudos anteriores em contexto laboratorial sugerem que a visualização de fotografias de pessoas atraentes e não atraentes influencia a perceção do tempo. O objetivo principal desta investigação é estudar a relação entre perceção temporal e a atração num cenário mais realista, investigando se alterações no tempo subjetivo durante um speed dating estão associadas com a atração. No evento, a duração dos encontros era variável e os participantes tinham que estimar o tempo que passou. Além disso, entre outras medidas, os participantes avaliaram os potenciais parceiros em termos da sua atratividade física antes e depois dos encontros e reportaram se estavam interessados em trocar contacto com eles. Os resultados mostraram que, numa situação de speed dating real, quando há a perceção do parceiro como sendo fisicamente mais atraente, as mulheres tendem a estimar a duração do encontro como sendo maior, enquanto que os homens tendem a estimar a duração como sendo menor. Estas alterações podem refletir adaptações evolutivas que tornam o sistema cognitivo humano mais responsivo em situações relacionadas com o fitness reprodutivo.
TipomasterThesis
DescriçãoDissertação de mestrado integrado em Psicologia
URIhttp://hdl.handle.net/1822/46685
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:CIPsi - Dissertações de Mestrado
BUM - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Margarida Pinho.pdfTese590,94 kBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis