Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/41739

TitleJornalistas e fontes de informação: uma relação de luta e de confiança
Other titlesJournalists and sources of information: a relationship of conflict and trust
Author(s)Teixeira, Alberto Miguel Dias
Advisor(s)Pinto, Manuel
Issue date2009
Abstract(s)Ponto de partida: estágio no jornal A Bola. Ponto de chegada: Tese de Mestrado na área de Informação e Jornalismo. De uma forma linear, podia dizer isto, que as dúvidas suscitadas durante a realização do estágio deram corpo a um relatório que pudesse concluir os dois anos de Mestrado em Ciências da Comunicação na Universidade do Minho. Porém, a verdade é mais complexa. Há um percurso académico de três anos na licenciatura em Comunicação Social e um outro percurso fora dele: as experiências no jornal universitário ComUM e no semanário regional Verdadeiro Olhar e o convívio com colegas e professores são o melhor exemplo que agora posso dar. Todavia, são dois os principais objectivos deste documento: a) relatar a experiência vivida durante três meses de estágio no diário desportivo A Bola, em Lisboa e b) desenvolver um projecto científico que materialize, de certa maneira, uma dúvida suscitada na realização do estágio curricular. Devo, entretanto, acrescentar um outro ponto: a colaboração com o semanário Verdadeiro Olhar, porque também é a partir desta experiência que permitiu clarificar um objecto de estudo, a saber, a relação entre os jornalistas e fontes de informação e as pressões relativas a um modo de relacionamento bilateral. Desta forma, ficou delimitado o campo de observação: a imprensa regional e local em comparação com a imprensa de âmbito nacional. E é junto dos jornalistas de ambos tipos de meios que vamos encontrar resposta a várias hipóteses formuladas: serão os jornalistas de imprensa regional mais pressionados pelas fontes de informação que os jornalistas de imprensa regional? E serão também mais permissivos em relação às pressões das fontes de informação? E será que as fontes oficiais são as que mais pressionam?
Starting point: a working experience in A Bola´s newspaper. Arriving point: MSc thesis inserted in the area of Information and Journalism. In a linear way, I could say that the questions raised during the probation in A Bola produced an argument that concludes two years in MSc in Sciences of Communication in Minho University. However, the reality is more complex. There is an academic path of three years in Social Communication and another one more personal: the experiences in a university´s newspaper, ComUM, and in a local one, Verdadeiro Olhar, and the sociability with classmates and teachers are the best examples. The main purposes of this document are: a) to report a working experience of three months in A Bola, in Lisbon, and b) to create a scientific project, which base is a doubt raised during the internship. I should join another point: the collaboration with Verdadeiro Olhar´s newspaper, because that experience clarified an object of study – the relationship between journalists and sources of information and the pressures that emerge in a bilateral relationship. In this way, the observation field was bounded: to compare local press with the national press in a context of pressures of sources of information. Journalists of both kinds of means will give us an answer to several hypotheses: are “local journalists” under more pressure than “national journalists”? Are “local journalists” more permissive to the pressures of sources of information than “national journalists”? And are the official sources that put more pressure?
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Ciências da Comunicação (área de especialização em Informação e Jornalismo)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/41739
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alberto Miguel Dias Teixeira.pdf1,86 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID