Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/40720

TitleVidas congeladas: socializados para o trabalho, formados para o não emprego?
Other titlesLife on standby: socialized for labour, graduated for non-employment?
Author(s)Nora, Nuno Filipe Ferreirinha Caetano
Advisor(s)Marques, Ana Paula
KeywordsCrise
Precarização
Flexibilização
Licenciados em ciências sociais e humanas
Identidade profissional
Crisis
Precariousness
Flexibilization
Graduates in the humanities and social sciences
Professional identity
Issue date2015
Abstract(s)Considerando as alterações das últimas décadas no mercado de trabalho, iniciadas com a crescente globalização das trocas comerciais e intensificadas com a crise económica e financeira de 2008, evidencia-se uma crescente flexibilização e precarização das relações laborais. As novas formas de contratos precários têm afetado particularmente os recém-licenciados, que em muitas situações são constrangidos a aceitar trabalhos para os quais são sobre qualificados. Sabe-se que as novas relações contratuais têm consequências específicas para quem está numa fase de consolidação da sua identidade profissional, podendo provocar sequelas em toda a vida psicológica, física e social dos indivíduos. Ao encarar a identidade profissional como um processo com início na socialização familiar, que se desenvolve durante o percurso escolar e se consolida no espaço laboral, entendemos o método biográfico como a escolha provável para atingir o conhecimento sobre os significados objetivos, e sobretudo, subjetivos atribuídos às escolhas efetuadas pelos sujeitos sociais nas diferentes fases do caminho de construção de uma identidade profissional. Utilizamos a técnica das entrevistas semiestruturadas em profundidade para entrevistar cinco indivíduos do sexo masculino e cinco do sexo feminino, licenciados nas áreas das Humanidades, Educação, Ciências Sociais e do Comportamento, Informação e Jornalismo, Ciências Empresariais e Direito, na medida em que consideramos os licenciados nas referidas áreas de estudo particularmente afetados pela realidade do atual mercado laboral.
Considering the changes over the past decades in the labour market, which started with the increasing globalization of trade and was intensified by the economic and financial crisis of 2008, it is possible to observe a growing flexibility and the precariousness of labour relations. The new forms of precarious contracts have affected particularly the recent graduates, which are invariably forced to accept jobs for which they are over qualified. We believe that the new contractual relations have specific consequences for those individuals who are going through the consolidation phase of their professional identity, causing sequels throughout their psychological, physical and social life. Considering the professional identity as a process beginning within family socialisation, which is developed throughout the education path and consolidated in the labour area, we have specified the biographical method as the most likely choice to achieve knowledge on objective meanings and mainly the subjective meanings assigned to the choices made by social subjects in different stages of their professional identity development. We have used in-depth semi structured interviews to inquire ten graduated individuals in areas such as Humanities, Social Sciences, Education and Behaviour, Information and Journalism, Business and Law, as we consider graduates in those fields particularly affected by the reality of the current labour market.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Sociologia (área de especialização em Organizações e Trabalho)
URIhttps://hdl.handle.net/1822/40720
AccessRestricted access (UMinho)
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Nuno Nora.pdf
  Restricted access
3,02 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID