Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/39445

TitleAnálise da disponibilidade de investimento em projetos de reabilitação portugueses
Author(s)Araújo, Catarina
Bragança, L.
Almeida, Manuela Guedes de
Barbosa, José Amarilio
KeywordsBuilding Stakeholders
Economic viability.
Sustainability
Intervenientes do sector da construção
Sustentabilidade
Viabilidade económica
Issue dateJul-2015
CitationAraújo C., Bragança L., Almeida M. G., Barbosa J. A. Análise da disponibilidade de investimento em projetos de reabilitação portugueses, EURO ELECS 2015, Vol. volume 3, Issue Chapter 12: Policies and strategies for a sustainable built environment, pp. 1563 - 1570, 2015
Abstract(s)The importance of implementing sustainable practices in buildings is duly proved and understood by the majority of the population. However, its implementation is not yet a reality. Some studies have been performed with the goal of understand this lack of use of sustainable solutions, among building sector stakeholders. The conclusion is that one of the main factors contributing to this is related with economic constraints. Several studies have proven that many sustainable practices correspond to minor costs than traditional practices in a life cycle perspective. However, the building sector stakeholders are not aware of this and do not implement sustainable practices commonly. In this paper a costâ benefit methodology willing to cross this barrier and promote the sustainable practices implementation is presented.
Apesar da importância da implementação de práticas sustentáveis estar devidamente comprovada e ser compreendida por grande parte da população, a ampla aplicação e implementação dos conceitos de construção sustentável ainda não é uma realidade. Diversos estudos têm sido realizados com o objetivo de compreender o porquê desta fraca aplicação tendo concluído que um dos principais fatores para tal é o facto de as práticas sustentáveis serem consideradas mais caras. Vários estudos provaram que muitas das medidas de sustentabilidade possuem custos inferiores às tradicionais numa perspetiva do ciclo de vida. Contudo, os profissionais do sector ainda não estão consciencializados deste facto e por isso não implementam medidas de construção sustentável. Neste artigo é apresentada uma metodologia de análise de custoͲbenefício de medidas de reabilitação sustentável, que pretende ultrapassar esta barreira e promover a implementação de práticas sustentáveis.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/39445
Publisher versionhttp://civil.uminho.pt/Euro-ELECS-2015/pt/Proceedings.php
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:C-TAC - Comunicações a Conferências Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2187-Euro-ELECS_2015-Analise da disponibilidade de investimento.pdf319,45 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID