Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/39406

TitlePercursos formativos e transições profissionais: o caso dos diplomados de um mestrado na área dos recursos humanos
Author(s)Torres, Leonor Lima
KeywordsPerfil formativo
Transição profissional
Mercado de trabalho
Academic excellence
Ritual distinction
School trajectories
Issue date2014
PublisherAssociação Portuguesa de Sociologia (APS)
Abstract(s)No atual panorama educativo é notória a presença de um alicerce político, de base supranacional, que sustenta a ideia de que os perfis de formação se devem adequar às exigências de um mercado de trabalho globalizado e hipercompetitivo. O caso específico do ensino superior não escapou a esta tendência dominante, sendo visível a preocupação crescente com a taxa de empregabilidade após conclusão do curso. Nesta comunicação pretende-se debater a relação entre o perfil de formação e o perfil de competências requerido pelo mercado de trabalho na área científica dos recursos humanos. Para ilustrar os sentidos desta relação mobilizamos um corpus empírico constituído por três fontes de informação: i) planos oficiais dos cursos de pós-graduação enquadrados nesta área oferecidos pelas instituições de ensino superior portuguesas, públicas e privadas, no ano de 2012-2013; ii) inquéritos por questionário aos alunos do Mestrado em Formação, Trabalho e Recursos Humanos da Universidade do Minho; iii) entrevistas aos recém diplomados do mesmo curso. O confronto entre o percurso e o perfil de formação e o processo de transição para o mercado de trabalho permitiu discutir as (des)articulações e as (in)compatibilidades entre estes dois universos, bem como sustentar uma reflexão sobre a função político-estratégica das instituições de ensino na construção dos projectos educativos e formativos nas sociedades contemporâneas.
In the current educational landscape is evident the presence of a political foundation, supranational basis, which supports the idea that the training profiles should suit the requirements of a globalized and hypercompetitive job market. The specific case of higher education has not escaped this dominant trend, with visible growing concern about employability after graduation. The main goal of this communication is to discuss the relationship between the profile of training and skills profile required by the labor market in the scientific field of human resources. To illustrate this relationship we mobilized an empirical corpus consists of three sources of information: i) official plans of post-graduate framed this area offered by the Portuguese higher education institutions, public and private, in the year 2012-2013; ii) questionnaire surveys to the students of the Master in Education, Labor and Human Resources, University of Minho; iii) interviews for newly graduates of the same course. The confrontation between the training profile and the transition to the labor market allowed to discuss the (dis)articulation and (in)compatibilities between these two universes, as well as sustain a reflection on the political and strategic role of institutions education in building the educational and training projects in contemporary societies.
TypeConference paper
DescriptionPublicado em "40 anos de democracia(s): progressos, contradições e prospetivas: atas do VIII Congresso Português de Sociologia". ISBN 978-989-97981-2-0
URIhttps://hdl.handle.net/1822/39406
Publisher versionhttp://www.aps.pt/viii_congresso/?area=actas&m=1
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEd - Textos em volumes de atas de encontros científicos nacionais e internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Com LLT VIII_COM0740.pdf701,3 kBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID