Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/38629

TitleProntidão escolar: validação de um instrumento Lollipop Test numa amostra portuguesa: crenças de progenitores e educadores de infância
Other titlesSchool readiness: validation of a Lollipop Test instrument in a Portuguese sample: parents and kindergarten teachers beliefs
Author(s)Soares, Maura Sofia Ribeiro
Advisor(s)Martins, Carla
KeywordsProntidão escolar
Lollipop test
Crenças
Progenitores
Educadores de infância
School readiness
Beliefs
Parents
Kindergarten teachers
Issue date2015
Abstract(s)O presente estudo explora a temática da prontidão escolar através de dois estudos empíricos. Estudaram-se caraterísticas psicométricas do instrumento Lollipop Test (Chew, 1981) (estudo I) e compara-se crenças de progenitores e educadores de infância acerca da prontidão escolar da criança a partir de um questionário desenvolvido para o efeito (estudo II). No primeiro estudo, foi aplicado o Lollipop Test a crianças do pré-escolar que ingressariam no ano letivo subsequente no 1º ciclo, verificando-se elevada consistência interna na escala total e no subteste 4. No segundo estudo, o questionário Competências e Caraterísticas Pré-escolares foi aplicado a educadores e à mãe ou pai das crianças do pré-escolar, sendo pedido para que avaliassem, mediante grau de importância atribuído, diversas competências e caraterísticas de prontidão. Os resultados mostraram diferenças nas crenças referentes às competências de Cognição e Conhecimento Geral. Não se verificaram diferenças nas crenças relativas às competências do Bem-Estar Físico, Saúde e Desenvolvimento Motor, Desenvolvimento Social e Emocional, Abordagens à Aprendizagem e, Linguagem e Alfabetização. Acrescenta-se, a existência de correlação positiva entre as escalas supracitadas e as habilitações literárias dos progenitores, exceto na Linguagem e Alfabetização. Ambos os instrumentos utilizados evidenciaram bons índices de fidelidade, o que suporta a sua utilização em Portugal.
The present study aimed to explore the theme of school readiness through two empirical studies. We studied the Lollipop Test psychometric characteristics (Chew, 1981) (study I) and compared the parents and kindergarten teachers’ beliefs related to children’s school readiness applying a questionnaire developed for that purpose (study II). In the first study we applied the Lollipop Test to kindergarten children that would start primary school in the subsequent year. In this study there was high internal consistency in the total scale and in the fourth subtest. In the second study, the questionnaire Competências e Caraterísticas Pré-escolares was applied to kindergarten teachers and parents of the preschooler children. They were asked to rate, by degree of importance, several skills and readiness characteristics. The results showed differences between teachers’ and parents’ beliefs about Cognition skills and General Knowledge. There were no differences in the beliefs related to Physical Well-Being, Health and Motor Development, Social and Emotional Development, Approaches to Learning and, Language and Literacy. There were also the positive correlations between these scales and the literary qualifications of the parents, except in the Language and Literacy. Both studies provided evidence of good indices of reliability, which supports its application in Portugal.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado integrado em Psicologia
URIhttp://hdl.handle.net/1822/38629
AccessRestricted access (UMinho)
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maura Sofia Ribeiro Soares.pdf
  Restricted access
1,9 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID