Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/35237

TitleBenchmarking de simuladores organizacionais
Other titlesBenchmarking of organizational simulators
Author(s)Novais, Fernando Jorge Oliveira Castro Freitas
Advisor(s)Soares, Filipe de Sá
KeywordsSimulação
Organização
Simuladores
Benchmarking
Simulation
Organization
Simulators
Issue date2014
Abstract(s)Atualmente, as organizações deparam-se com a constante necessidade de adaptação a mercados cada vez mais competitivos, globalizados e instáveis. A resposta a esta envolvente recai, invariavelmente, na capacidade das organizações se moldarem de forma rápida, eficaz e eficiente, de acordo com os seus recursos e condicionantes, ao ambiente, de forma a conseguir superar as dificuldades. Neste contexto, o papel desempenhado pelos gestores reveste-se de vital importância, pois recai sobre eles a responsabilidade de decidir de forma acertada os destinos da organização. É neste ponto que os simuladores organizacionais podem, e devem, revelar-se como uma mais-valia para as organizações e, particularmente, para os gestores. A possibilidade de simular vários cenários, onde a estrutura hierárquica, a circulação de documentos, a alocação de recursos, entre outros fatores relevantes, podem ser parametrizados, com um software de simulação já é uma realidade. Desta forma, cada vez mais estes programas vão-se afigurando como uma potencial ferramenta indispensável no auxílio ao planeamento e previsão dos resultados, que, quer a implementação de mudanças organizacionais, quer a adoção de determinadas estratégias podem produzir. É assim esperado que, com tais recursos, os gestores possam suportar as suas decisões em simulações tão representativas da realidade quanto possível ou economicamente viável, e, fruto disso, decidir, por um lado, com um grau de incerteza menor e, por outro, com uma maior consciencialização dos efeitos que tais decisões acarretarão. O presente trabalho visa o estudo de ferramentas de simulação organizacional, nomeadamente a forma como estas podem ser comparadas e classificadas, concluindo-se, à luz da realização de um benchmarking laboratorial que terá por base um conjunto de casos organizacionais, qual ou quais os melhores simuladores organizacionais. Adicionalmente, espera-se produzir um conjunto de recomendações, fundamentadas em tal estudo, que promovam o uso e desenvolvimento de simuladores organizacionais no futuro.
Today, organizations are faced with the constant need to adapt to increasingly competitive, globalized and unstable markets. The answer to this context depends on the ability of organizations to quickly, effectively and efficiently reshape, according to their resources and constraints, adjusting themselves to the environment in order to be able to overcome the difficulties. In this context, the role of managers has a vital importance as it falls upon them the responsibility for deciding the best route to the organization. This is where organizational simulators can, and should prove to be, an asset for organizations and particularly for managers. The possibility of simulating multiple scenarios, where the hierarchical structure, circulation of documents, allocation of resources, among other relevant factors, can be parameterized, with a simulation software is already a reality. Thus, increasingly these programs are a potentially indispensable tool to aid in the planning and forecasting of results, by the implementation of organizational changes or the adoption of certain strategies. Hopefully, with such resources, managers can support their decisions on representative simulations of reality as possible or economically feasible, and as the result of that, to decide with a lesser degree of uncertainty and with greater awareness of the effects of such decisions. This paper presents the study of organizational simulation tools, including how they can be compared and classified, determinig, in light of the realization of a laboratorial benchmarking, with a set of organizational cases, which are the best organizational simulators. Additionally, it is expected to produce a set of recommendations, based on this study, to promote the use and development of organizational simulators in the future.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado integrado em Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação
URIhttp://hdl.handle.net/1822/35237
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado Integrado
DSI - Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_Fernando J. Novais_2014.pdf6,12 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID