Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/29453

TitleA abordagem VSM na conceção de arquiteturas empresariais adaptáveis: Análise do caso prático da OERN
Other titlesA VSM approach on the design of the adaptive enterprise architecture: OERN practical case analysis
Author(s)Gonçalves, José Rafael da Silva Teixeira
Advisor(s)Machado, Ricardo J.
Dias, Alberto Manuel
KeywordsArquitetura empresarial
Adaptabilidade
Modelo dos sistemas viáveis
Sistemas complexos adaptativos
Enterprise architecture
Adaptability
Viable systems model
Complex adaptive systems
Issue date2013
Abstract(s)As Arquiteturas Empresariais (AE) surgiram com Zachman com o propósito dar resposta à crescente complexidade dos Sistemas de Informação. Apesar do foco de Zachman inicialmente ter sido os SI atualmente as AE procuram abordar as organizações de uma forma holística, considerando pessoas, processos e tecnologia como as dimensões que devem incorporar uma AE. Atualmente a explosão de tecnologias, a alteração de hábitos de trabalho e o aparecimento da era social alterou profundamente a forma como as pessoas se relacionam, não só entre elas mas também com as organizações. Devido a estes fatores, com a evolução das AE e o aparecimento de novas abordagens (i.e. TOGAF, FEAF, DODAF, etc.), a forma como estas arquiteturas respondem e permitem que as organizações se adaptem a novas e inesperadas situações é crítica tendo em conta a conjetura económica difícil que as organizações atualmente atravessam. O presente trabalho aborda a questão da adaptabilidade das arquiteturas empresariais procurando dar resposta ao problema da falta dessa capacidade demonstrada pelas mais conhecidas e tradicionais abordagens às AE. Procura também preencher a necessidade da existência de um modelo alternativo de conceção de AE capazes de lidar com a mudança acelerada com que as organizações têm de lidar nos dias de hoje no tempo certo.
Enterprise Architecture (EA) was born with Zachman to provide the answer that was needed to deal with the growing complexity of the Information Systems (IS). Despite the fact that Zachman initially focused only on the IS, nowadays EA is viewed in a holistic manner having people, processes and technology as the dimensions to consider. Currently the technology explosion, the change in working habits and the social era emergence has changed deeply the way how people relate to each other and with companies. Due to these facts, with the evolution of EA and with the new approaches that arose (i.e. TOGAF, FEAF, DODAF, etc.) the way that EA responds and allow that organizations adapt to new and unexpected events is critical due to the economic difficulties that exist today. This work focus the issue of adaptability of EA trying to provide an answer to the lack of adaptability that the more known and successful EA approaches show. It also seeks to fulfill the need of a new approach that’s capable of dealing with fast external changes that organizations need to deal today in time.
TypemasterThesis
DescriptionDissertação de mestrado em Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação
URIhttp://hdl.handle.net/1822/29453
AccessopenAccess
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
DSI - Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_José Gonçalves_2013.pdf5,04 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis