Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/20062

TitleRecreação terapêutica: a educação artística em crianças sob tratamento oncológico em Portugal e no Brasil
Author(s)Rocha, Denise Martins
Carvalho, Graça Simões de
KeywordsRecreação terapêutica
Educação artística
Desenvolvimento motor
Qualidade de vida
Promoção da saúde
Oncologia pediátrica
Therapeutic recreation
Arts Education
Motor development
Quality of life
Health care
Pediatric Oncology
Pediatric Oncology
Issue date31-Jul-2012
PublisherUniversidade Federal do Maranhão (UFMA)
Abstract(s)Com este estudo pretendeu-se conhecer os parâmetros do exercício de atividades artísticas (AA) no âmbito de tratamento em oncologia pediátrica do Instituto Português de Oncologia do Porto, Portugal, e o Grupo de Apoio à Criança com Câncer de Salvador da Bahia, Brasil. Para tal, procedeu-se um levantamento com a aplicação combinada de vários instrumentos de recolha de dados. Construímos uma base de dados no programa SPSS para o questionário de avaliação que contém 46 itens com temas relacionados às AA, sendo o total da amostra nos dois países 132 sujeitos, entre crianças, pais, equipe médica e não médica. Complementarmente, realizamos entrevistas com elementos-chave e fizemos observação participada na execução das atividades. No geral, a perceção dos sujeitos sobre a prática das AA foi claramente positiva. A principal diferença encontrada entre as duas instituições refere-se à procura das crianças pelas atividades que lhes são oferecidas. Os resultados revelam a importância das AA na aprendizagem de outras disciplinas, no desenvolvimento motor, na abstração do ambiente hospitalar, promovendo nas crianças ocasião para expressarem sentimentos e vivências, interação afetivo-emocional com o próprio grupo e equipe de cuidados de saúde, e melhoria do bem-estar, ampliando a perspectiva da qualidade de vida enquanto estão em tratamento.
This study aimed at identifying the parameters of the exercise of artistic activities (AA) in paediatric oncology treatment in the Portuguese Institute of Oncology, Porto, Portugal, and the Support Group for Children with Cancer of Salvador da Bahia, Brazil. To this end, we proceeded to a survey of the combined application of various tools for data collection. We built a database using SPSS for assessment questionnaire containing 46 items with themes related to AA, and the total sample 132 subjects in the two countries, among parents, children, medical and non-medical staff. In addition, we conducted further interviews to key persons and carried out participant observation of activities. Overall, the vision of the subjects on the practice of AA was clearly positive. Between the two institutions, the main difference found refers to the demand of children for the activities offered. The results reveal the importance of AA on other subjects learning, motor development, the ‘evasion’ of the hospital environment, promotion of children’s opportunities to express their feelings and experiences, enhance the affective-emotional interaction with their own group and the health care staff, and improve the well-being by expanding the perspective of quality of life while on treatment.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/20062
ISBN978-989-8537-00-3
978-989-8537-01-0
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEC - Textos em atas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SIEFLAS_RecreacaoTerapeutica.pdfArtigo1,22 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID