Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/19537

TitleCrianças de rua em Angola : caracterização das suas expressões culturais
Author(s)Koppele, Brenda Engelien te
Advisor(s)Silva, Eugénio Alves da
KeywordsCrianças de rua
Expressões culturais
Desenvolvimento
Capacidades
Investigação etnográfica
Investigação participativa
Street children
Cultural expressions
Development
Capabilities
Ethnographic research
Participative research
Issue date2012
Abstract(s)A investigação sobre as crianças de rua em Luanda: uma caracterização das suas expressões culturais pretende caraterizar as expressões culturais que as crianças de rua em Luanda usam no seu quotidiano. Através desta caracterização foi possível descobrir de que maneira elas usam e manifestam as suas expressões culturais, qual é a sua ligação com a cultura e a história da Angola, quais são as capacidades que as crianças mobilizam nas expressões e de que maneira as crianças se desenvolvem através destas expressões culturais, considerando a teoria de Howard Gardner sobre inteligências múltiplas. Esta investigação foi realizada com a participação das crianças de rua em Luanda, mais propriamente as crianças da casa Magone, que é um centro de acolhimento que faz parte da congregação católica Dom Bosco. Também participaram crianças que residem (por um período) nos diferentes lugares de Luanda. O trabalho de campo foi concretizado através da colaboração do VIS e do Dom Bosco, que me deram a possibilidade de estar em contacto com as crianças deste estudo. A investigação foi feita através da metodologia qualitativa com orientação etnográfica que consistiu em conviver com as crianças da casa Magone durante partes do dia e da noite, no centro de acolhimento e nas ruas. Além disso, convivi com diferentes grupos de crianças que residem (por um tempo) nos diferentes lugares da cidade: Largo 1º de Maio, Bairro do São Paulo e Avenida Marginal. Durante o convívio usei os recursos da observação participante, entrevistas, conversas inesperadas e participei nas actividades criadas pelas crianças. A investigação assumiu a forma de um estudo de caso, o que implicou o envolvimento e a participação das crianças num conjunto de actividades, num processo democrático, onde são incluídas como cidadãs, com vista ao seu desenvolvimento pessoal e ao desenvolvimento de competências e confiança (Kirby, 1999). Desta forma, não só foram objecto de estudo mas tornaram-se investigadoras delas próprias. Assim, foram incluídos desenhos, vídeos, fotografias e diários que são recursos produzidos e aconselhados pelas próprias crianças.
This research about street children in Luanda: a characterization of their cultural expressions – aims to characterize the cultural expressions that the street children use in their daily life. Through this characterization it was possible to discover how they use and express their cultural expressions, what is their connection with the culture and history of Angola, which skills the children are mobilizing in the cultural expression and in which way the children are developing themselves by these cultural expressions, considering the theory of Howard Gardner, about multiple intelligences. This research was conducted with the participation of street children in Luanda, mainly children from the house of Magone, which is a reception center, part of the catholic congragation Dom Bosco. Additional children who live (for a period) in different parts of Luanda also participated. The field work was accomplished through the collaboration of VIS and Dom Bosco, who gave me the opportunity to contact the children of this study. This research was conducted by a qualitative methodology with an ethnographic orientation, which included living together with the children of the house of Magone, for some parts of the day and the night in the reception centre and in the streets. Moreover, I lived together with different groups of children who were living (for a time) in different parts of the city: square of 1o de Maio, district of Sao Paulo and Marginal Avenue. During the field work I used the different resources of: participant observation, interviews, unexpected conversations and I participated in activities created by the children. This research assumed a case study, which implied the involvement and participation of children in a range of activities, in a democratic process, in which they are included as citizens, with a view to their personal development, developing skills and confidence (Kirby, 1999). In this way I not only considered them as study objects, but they became themselves researchers about their own subject. Accordingly are included: drawings, videos, photos and diaries that are produced and advised by the children themselves.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Sociologia da Infância
URIhttp://hdl.handle.net/1822/19537
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Brenda Engelien te Koppele.pdf5,2 MBAdobe PDFView/Open
ANEXOS 1.pdf4,56 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID