Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/84137

Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCunha, Jácomepor
dc.contributor.advisorSaraiva, Joãopor
dc.contributor.authorBrito, Miguel António Ferrãopor
dc.date.accessioned2023-04-24T16:59:53Z-
dc.date.available2023-04-24T16:59:53Z-
dc.date.issued2020-12-22-
dc.date.submitted2021-01-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1822/84137-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Informatics Engineeringpor
dc.description.abstractMicroservices emerged as one of the most popular architectural patterns in the recent years given the increased need to scale, grow and flexibilize software projects accompanied by the growth in cloud computing and DevOps. Many software applications are being submitted to a process of migration from its monolithic architecture to a more modular, scalable and flexible architecture of microservices. This process is slow and, depending on the project’s complexity, it may take months or even years to complete. This dissertation proposes a new approach on microservices identification by resorting to topic modelling in order to identify services according to domain terms. This approach in combination with clustering techniques produces a set of services based on the original software. The proposed methodology is implemented as an open-source tool for exploration of monolithic architectures and identification of microservices. An extensive quantitative analysis using the state of the art metrics on independence of functionality and modularity of services was conducted on 200 open-source projects collected from GitHub. Cohesion at message and domain level metrics showed medians of roughly 0.6. Interfaces per service exhibited a median of 1.5 with a compact interquartile range. Structural and conceptual modularity revealed medians of 0.2 and 0.4 respectively. Further analysis to understand if the methodology works better for smaller/larger projects revealed an overall stability and similar performance across metrics. Our first results are positive demonstrating beneficial identification of services due to overall metrics’ results.por
dc.description.abstractOs microserviços emergiram como um dos padrões arquiteturais mais populares na atualidade dado o aumento da necessidade em escalar, crescer e flexibilizar projetos de software, acompanhados da crescente da computação na cloud e DevOps. Muitas aplicações estão a ser submetidas a processos de migração de uma arquitetura monolítica para uma arquitetura mais modular, escalável e flexivel de microserviços. Este processo de migração é lento, e dependendo da complexidade do projeto, poderá levar vários meses ou mesmo anos a completar. Esta dissertação propõe uma nova abordagem na identificação de microserviços recorrendo a modelação de tópicos de forma a identificar serviços de acordo com termos de domínio de um projeto de software. Esta abordagem em combinação com técnicas de clustering produz um conjunto de serviços baseado no projeto de software original. A metodologia proposta é implementada como uma ferramenta open-source para exploração de arquiteturas monolíticas e identificação de microserviços. Uma análise quantitativa extensa recorrendo a métricas de independência de funcionalidade e modularidade de serviços foi conduzida em 200 aplicações open-source recolhidas do GitHub. Métricas de coesão ao nível da mensagem e domínio revelaram medianas em torno de 0.6. Interfaces por serviço demonstraram uma mediana de 1.5 com um intervalo interquartil compacto. Métricas de modularidade estrutural e conceptual revelaram medianas de 0.2 e 0.4 respetivamente. Uma análise mais aprofundada para tentar perceber se a metodologia funciona melhor para projetos de diferentes dimensões/características revelaram uma estabilidade geral do funcionamento do método. Os primeiros resultados são positivos demonstrando identificações de serviços benéficos tendo em conta que os valores das métricas são de uma forma global positivos e promissores.por
dc.language.isoengpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/por
dc.subjectMicroservice architecturepor
dc.subjectMonolithic decompositionpor
dc.subjectTopic modellingpor
dc.subjectSoftware clusteringpor
dc.subjectArquitetura de microserviçospor
dc.subjectDecomposição de monólitospor
dc.subjectModelação de tópicospor
dc.subjectClustering de softwarepor
dc.titleIdentification of microservices from monolithic applications through topic modellingpor
dc.typemasterThesiseng
dc.identifier.tid203254481por
thesis.degree.grantorUniversidade do Minhopor
sdum.degree.grade19 valorespor
sdum.uoeiEscola de Engenhariapor
dc.subject.fosEngenharia e Tecnologia::Engenharia Eletrotécnica, Eletrónica e Informáticapor
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
DI - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Miguel Antonio Ferrao Brito.pdf2,54 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID