Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/76028

TitleCiberfeminismo na atualidade: uma análise das percepções de mulheres brasileiras face ao feminismo nas redes sociais
Other titlesCyberfeminism nowadays: an analysis of Brazilian women's perceptions about feminism on social media
Author(s)Melo, Natália Farkatt Tabosa de
Advisor(s)Cabecinhas, Rosa
KeywordsFeminismo
Redes sociais
Ciberativismo
Ciberfeminismo
Feminism
Social media
Cyberativism
Cyberfeminism
Issue date2020
Abstract(s)A presente dissertação buscou investigar o modo como o feminismo tem se manifestado por meio das redes sociais no Brasil e como ele é percebido por parte das mulheres brasileiras na atualidade. Para este estudo, começou-se por analisar a trajetória do movimento feminista em uma escala mais global, compreendendo as suas fases (também chamadas de "vagas" em Portugal ou "ondas" no Brasil), de forma a compreender as demandas das mulheres de cada uma dessas épocas e, dessa forma, perceber como as suas lutas foram importantes para os diversos direitos vigentes nas constituições de diversos países. Em seguida, explanou-se a história do movimento feminista do Brasil, destacando alguns dos nomes pioneiros nas lutas pela educação, saúde e direitos políticos e também durante o período do regime ditatorial militar vigente no Brasil durante duas décadas. Estes estudos auxiliaram a compreensão de como foi construída uma linha de pensamento e edificação das conquistas feministas no país. Ainda há que se falar sobre a evolução dos estudos feministas e os estudos de gênero, os quais estão ligados de tal forma que tornaram bases cruciais para a discussões e debates sobre temas como interseccionalidade, gênero e sexualidade. Por fim, procedeu-se a uma investigação empírica na qual foi priorizada uma análise qualitativa, na qual o corpus consiste em um questionário respondido por mulheres brasileiras dentro do espectro dos graus acadêmicos de graduação/licenciatura e pós-graduação visando compreender como elas enxergam a relação entre feminismo e redes sociais. Os resultados ilustram a enorme complexidade dos fenômenos e também o recente backlash.
This dissertation aimed at investigating the way feminism has been manifested through social media in Brazil and how it is realized by part of the Brazilian women today. For this study, started by analyzing the trajectory of the feminism movement on a global scale, understanding its phases (also called "vagas" in Portugal or "ondas" in Brazil), in order to understand the demands of women in each one of those phases and, in this way, to figure it out how important their efforts were for the different rights in force in the constitutions of different countries. Furthermore, the history of the feminist movement in Brazil was explained, highlighting some of the pioneer names struggling for education, health and political rights and also during the period of the military dictatorial regime in charge in Brazil for two decades. These studies helped to understand how a line of thought and construction of feminist achievements in the country was built. It is important to mention the evolution of feminist studies and gender studies, which are linked in such a way that they have become crucial basis for discussions and debates on topics such as intersectionality, gender and sexuality. Finally, an empirical investigation was carried out in which a qualitative analysis was prioritized, where the corpus consists of a survey answered by Brazilian women within the spectrum of bachelor/graduate and postgraduate academic degrees in order to understand how they see the relation between feminism and social media. The results shown the enormous complexity of the phenomenon and also the recent backlash.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Ciências da Comunicação
URIhttps://hdl.handle.net/1822/76028
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Natalia Farkatt Tabosa de Melo.pdfDissertação de mestrado2,51 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID