Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/47797

Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBalonas, Sarapor
dc.contributor.authorSoares, Mariana Alexandra Santospor
dc.date.accessioned2017-11-27T15:52:39Z-
dc.date.available2017-11-27T15:52:39Z-
dc.date.issued2016-
dc.date.submitted2016-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1822/47797-
dc.descriptionRelatório de estágio de mestrado em Ciências da Comunicação (área de especialização em Publicidade e Relações Públicas)por
dc.description.abstractSerá a publicidade feita à “portugalidade” e ao “made in Portugal” no Facebook impactante para os portugueses? Tal como afirmam Santos et al., sociedade atual vê o seu quotidiano confrontado e afetado por uma economia recessiva, uma segurança financeira familiar pouco favorável, um aumento da taxa de desemprego e um outro fator que corrói ainda mais o povo português: “as constantes comparações com os nossos parceiros europeus e que colocam Portugal na cauda da Europa em quase todos os índices de desenvolvimento económico” (2011, p.42). A crise e descrença estimularam o aparecimento da tendência de afirmar e comunicar o que é nosso, o que é português. Tal como apontou Ribeiro, há uma “tendência para o recrudescimento de manifestações em defesa de especificidades particularistas e da tradição local, a busca do autêntico e genuíno, o investimento material e emocional nas identidades culturais, a busca da singularidade e o fascínio pelo exótico” (2012, p.4). Com esta tendência as marcas mudaram a sua estratégia. Deixaram de evidenciar tanto o produto e as suas especificidades e começaram a centralizar a sua comunicação no made in e na “portugalidade”. Esta mudança de rumo tem uma forte influência nas perceções do público. A publicidade nas redes sociais é uma parte importante deste relatório, uma vez que é uma boa oportunidade para as marcas interagirem diretamente com o seu público. Segundo Kotler, Kartajaya e Setiwan, “como os media sociais têm custos baixos e são livres de preconceito, serão o futuro das comunicações de marketing” (2011a, p.23). Posto isto, o tema central do relatório recai sobre publicitar e apelar à “portugalidade” nas redes sociais. Este assunto tem como objeto de estudo o movimento “Vá Lá, Portugal merece”. Os resultados apurados neste trabalho permitiram confirmar a importância da marca e do papel da sua imagem, sendo um fator fulcral para as organizações uma vez que é através dessa imagem que o público constrói as suas perceções. O apelo às emoções do público e de publicitarem características peculiares, tal como a sua nacionalidade, é um manifesto frequente. Por sua vez o público atual (prosumer) é mais interativo, exigente e emocional. Os portugueses, conhecidos por serem muitos ligados à sua cultura, procuram sensações e mensagens de alento. Comunicar a “portugalidade” é um desafio que deve ser encarado com uma certa sensibilidade, determinação e consciência.por
dc.description.abstractAre the advertisements made to the “portugality” and “made in Portugal” impactful to the portuguese people? As Santos, Falcato, Almeida and Mira say, the current society see their day-to-day confronted and affected by a recessive economy, a family-unfriendly financial health, an increase in the unemployment rate and also another factor that corrodes the portuguese people: "the constant comparisons with our European partners put Portugal on the tail of Europe in almost all indices of economic development" (2011, p. 42). The currently crisis and disbelief stimulated the appearance of the tendency to assert and communicate what is ours, what is portuguese, such as pointed out by Ribeiro: there is a tendency for the resurgence of demonstrations in defense of particularistic specificities and local tradition, the search for the authentic and genuine, the material and emotional investment in cultural identities, the search of the uniqueness and the fascination with exotic" (2012, p. 3). With this trend, brands have changed their strategies. Brands no longer highlight the product itself and its specifics and started to centralize all communications on the "made in" and on the “portugality”. This change of direction has strong influences on public perceptions. Advertising on social media is an important part of this report, since it’s a good opportunity for brands to interact directly with their audience. Kotler, Kartajaya and Setiwan say: "because social media has low costs and is free of bias, it will be the future of marketing communications" (2011a, p. 23). Thus, the central theme of this report is advertising and the appeal to the “portugality” in social network, and how it is seen by the portuguese. This subject has as an object of study the movement “Vá Lá, Portugal merece”, that has its focus on the communication of “portugality”. The results obtained in this work allowed to confirm the importance of the brand and their image. This factor is crucial for organizations once it is through this image that the public builds their perceptions. The appeal to the emotions of the public and the advertising of unique characteristics, such as their nationality, is a common practice. In turn, the current audience (prosumer) is more interactive, demanding and emotional. The portuguese public, known for being very attached to their culture, seek sensations and encouragement messages. To communicate "portugality" is a challenge that should be viewed with a certain sensitivity, determination and awareness.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectPortugalidadepor
dc.subjectMarcaspor
dc.subjectPublicidadepor
dc.subjectConsumidorespor
dc.subjectRedes sociaispor
dc.subjectPortugalitypor
dc.subjectBrandspor
dc.subjectAdvertisingpor
dc.subjectConsumerspor
dc.subjectSocial mediapor
dc.titlePublicitar a “Portugalidade” nas Redes Sociais: o caso do movimento “Vá Lá, Portugal merece”por
dc.title.alternativeAdvertise “Portugality” on social networks: the case of the movement “Vá Lá, Portugal merece”por
dc.typemasterThesiseng
dc.identifier.tid201620235por
thesis.degree.grantorUniversidade do Minhopor
sdum.degree.grade15 valorespor
sdum.uoeiInstituto de Ciências Sociaispor
dc.subject.fosCiências Sociais::Ciências da Comunicaçãopor
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Mariana Alexandra Santos Soares.pdf3,31 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID