Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/27880

Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorDias, Bruno-
dc.contributor.authorSilva, Tiago Fontes Carvalho Duque da-
dc.date.accessioned2014-02-10T14:41:54Z-
dc.date.available2014-02-10T14:41:54Z-
dc.date.issued2013-
dc.date.submitted2013-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/1822/27880-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Engenharia Informáticapor
dc.description.abstractNo âmbito de uma rede de um provedor de internet sem fios, faz todo o sentido afirmar que é essencial a existência de um sistema de monitorização com capacidades de acesso remoto e funcionalidades automatizadas. Desta forma, consegue-se reduzir a carga nos administradores da rede, bem como melhorar o tempo de resposta a vários eventos, tais como perda de rendimento da rede e aumento de colisões. Procura-se também que este sistema tenha baixas percentagens de uso da largura de banda. Para atingir esta finalidade, recorre-se a tecnologias normalizadas facilmente disponibilizadas como o SNMP ou NETCONF. Depois de um breve estudo comparativo entre as tecnologias referidas, serão analisadas em detalhe as MIBs mais relevantes relativamente a pontos de acesso sem fios. A existência de nodos escondidos, pela sua importância na degradação da largura de banda de redes sem fios, foi estudada em particular. Um dos algoritmos mais relevantes para a mitigação deste problema utiliza dinamicamente o mecanismo RTS/CTS através da monitorização de parâmetros, tais como o número de retransmissões e número de tramas com erros, activando-o tendo em conta os valores dos parâmetros monitorizados, evitando a introdução de overhead na rede devido ao seu uso desnecessário. Tal algoritmo foi introduzido na aplicação de gestão implementada e testada, sendo que os resultados obtidos não permitiram concluir da relevante bondade deste mecanismo quando aplicado somente do lado ponto de acesso.por
dc.description.abstractOn the scope of an Internet service provider’s wireless network, it makes all sense to declare that it is essential the existence of a monitoring system with remote access and automated capabilities. With such system it is possible to reduce the network administrators workload, as well as improve the response time to several events, like loss of throughput of the network or increasing collisions. Ideally that system would have low percentages of bandwidth usage. To achieve this, standardized technologies like SNMP or NETCONF will be used. Then it will take place a brief comparative study between those two technologies, followed by a detailed analysis of the most relevant MIBs present on wireless access points. The existence of hidden nodes, for its importance in bandwidth degradation in a wireless network, was studied in particular. One of the most relevant algorithms used for mitigation of this problem dynamically uses the RTS/CTS mechanism through parameter monitoring, such as number of retransmissions and number of frames with errors, activating the mechanism accordingly with the monitored parameters, avoiding overhead addition to the network caused by the unnecessary utilization of the mechanism. Such algorithm was introduced on the implemented and tested management application, though the obtained results didn’t allow to achieve any conclusions relatively to the mechanism when applied only to the access point’s end.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.titleGestão remota para pontos de acesso de redes sem fiospor
dc.typemasterThesispor
dc.commentseeum_di_dissertacao_pg18562por
dc.subject.udc681.324-
dc.subject.udc621.39-
dc.identifier.tid201196093por
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
DI - Dissertações de Mestrado
EEG - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
eeum_di_dissertacao_pg18562.pdf2,69 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID