Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/67740

TitleEspaços e arquiteturas de abastecimento da cidade medieval
Other titlesSpaces and supply architectures of the medieval city
Author(s)Ribeiro, Maria do Carmo Franco
KeywordsCidade medieval
Espaços e arquiteturas
Abastecimento
Medieval city
Supply
Spaces and architectures
Issue date2020
PublisherInstituto de Estudos Medievais. Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH-UNL)
Câmara Municipal de Castelo de Vide
CitationRIBEIRO, Maria do Carmo - “Espaços e arquiteturas de abastecimento da cidade medieval”. In ANDRADE, Amélia A.; SILVA, Gonçalo M. (eds.) Abastecer a Cidade na Europa Medieval | Provisioning Medieval European Towns, Lisboa: IEM - Instituto de Estudos Medievais da Faculdade de Ciências Socais e Humanas da Universidade de Lisboa/Câmara Municipal de Castelo de Vide, 2019. ISBN: 978-989-54529-2-7 (IEM), p. 383-400
Abstract(s)O objetivo deste trabalho, centrado no estudo do provimento das cidades medievais, é analisar os espaços e as arquiteturas necessários ao abastecimento de diferentes bens e produtos. Para além das distintas atividades de produção que se desenrolam no seio da cidade, os aglomerados urbanos são igualmente centros de consumo e distribuição que necessitam de infraestruturas de suporte, como aquelas que se relacionam com o aprovisionamento de bens essenciais como a água – poços, cisternas, aquedutos, fontes e chafarizes –, assim como daquelas que permitem a sua distribuição/comercialização – açougues, fangas, adegas, fornos – algumas das quais acumulam a dupla função de produção e comercialização, como as oficinas para os mais variados mesteres (sapateiros, ferreiros, ourives, oleiros). A toponímia permite verificar que, com frequência, se evidência uma certa concentração destas atividades sob a forma de arruamento, possibilitando igualmente analisar os locais no espaço urbano que ocupavam. Em alguns casos, denotam-se similitudes espaciais e arquitetónicas entre os diferentes núcleos medievais portugueses. Deste modo, através de uma metodologia que cruza diferentes fontes (escritas, materiais e iconográficas) pretende-se analisar e comparar os diferentes espaços e arquiteturas de abastecimento de algumas cidades medievais portuguesas, em termos funcionais e tipológicos, mas também em termos de localização no espaço urbano.
The objective of this work, centered on the study of the supply of medieval cities, is to analyze the necessary spaces and architectures to supply different goods and products. In addition to the different production activities taking place in the city, urban agglomerations are also centers of consumption and distribution that need support infrastructures, such as those related to the provision of essential goods such as water – wells, cisterns, aqueducts, water sources and fountains – as well as those that allow their distribution / marketing – butchers, farms, cellars, ovens – some of which accumulate the dual function of production and commercialization, such as workshops for the most varied masters (shoemakers, blacksmiths, goldsmiths, potters). The toponymy allows us to verify that, frequently, a certain concentration of these activities is evidenced in the form of street layout, also making it possible to analyze the places in the urban space they occupied. In some cases, seem to exist spatial and architectural similarities between different Portuguese medieval cities. Thus, through a methodology that crosses different sources (written, material and iconographic) it is intended to analyze and compare the different spaces and supply architectures of some medieval Portuguese cities, in functional and typological terms, but also in terms of location in the urban space.
TypeBook part
URIhttp://hdl.handle.net/1822/67740
ISBN978-989-54529-2-7
978-972-9040-17-7
AccessOpen access
Appears in Collections:DH - Capítulos de Livros/Book Chapters

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RIBEIRO_MC_Espaços e arquiteturas de abastecimento cidade medieval.pdf4,1 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID