Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/56477

TitleA ciência vai ao bar
Author(s)Nobre, Alexandra
Melo, Natália
Oliveira, Rúben
Palhim, Marta
Domingues, Daniela
KeywordsComunicação de ciência
Literacia científica
Educação ao logo da vida
Públicos
Issue date2018
PublisherSciCom Pt (Rede de Comunicação de Ciência e Tecnologia de Portugal)
Abstract(s)Como o ambiente de um bar pode potenciar diversas formas de comunicar ciência? De Norte a Sul de Portugal, diversas iniciativas procuram este tipo de espaços para levar a ciência a públicos não especializados. O PubhD (de pub + PhD) é um evento mensal em que estudantes de doutoramento, de áreas diferentes – das ciências às humanidades, das artes às engenharias – explicam a sua investigação no ambiente informal de um bar. Em troca, a assistência oferece-lhes as bebidas. As apresentações são ao nível de uma conversa de bar, dirigidas a uma assistência não especialista. A ideia começou num pub em Nottingham em 2014 e desde então tem se espalhado pelo mundo. O PubhD de Lisboa foi a primeira iniciativa PubhD a ser lançada em Portugal, com o primeiro evento a acontecer em outubro de 2015, e tornou-se assim, depois de Dublin, na segunda internacionalização do conceito. A adesão em Portugal foi surpreendente e atualmente os eventos acontecem também em Braga, Guimarães, Évora, Porto, Bragança, Coimbra e Aveiro. O Pint of Science é um festival anual de ciência que tem lugar em Maio em vários países do Mundo. Investigadores apresentam os seus projetos em bares de forma simples e descontraída, para que a troca de conhecimento e a discussão científica seja possível entre todos os curiosos presentes (quer estes saibam muito, pouco ou até mesmo nada do tema). Em 2018 Portugal participou pela primeira vez do festival, com eventos em Lisboa e no Porto. Espera-se que outras cidades possam aderir nos próximos anos. Experiências (g)Astronómicas é uma atividade de divulgação de ciência, dinâmica e participativa, de periodicidade anual, que permite aliar o conhecimento do Cosmos (e a observação do céu noturno do concelho de Proença-a-Nova) a outras áreas da ciência e à vivência comunitária da região. A gastronomia apresenta-se, aqui, também como uma ciência laboratorial, privilegiando os produtos endógenos na confeção das degustações, magistralmente apresentadas e inspiradas no fantástico universo em que nos inserimos. Porque o mundo rural também respira, e partilha, conhecimento, das visitas ao território, das conversas animadas, da música e dos sabores, se vão consolidando, assim, os muitos saberes. Cada uma destes eventos tem métodos e dinâmicas próprias. Propomos conversar com organizadores de três destas iniciativas para debater o bar como espaço de comunicação.
TypePanel presentation
URIhttp://hdl.handle.net/1822/56477
Peer-Reviewedno
AccessRestricted access (Author)
Appears in Collections:DBio - Comunicações/Communications in Congresses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
A Ciência vai ao Bar - SciCom2018.pdf
  Restricted access
7,01 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy!
SciComPT 2018_Livro de Resumos.pdf
  Restricted access
6,89 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy!

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID