Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/39636

TitleConceções de alunos do 1.º ciclo do ensino básico sobre sexualidade e educação sexual
Author(s)Marinho, Susana
Anastácio, Zélia
KeywordsEducação Sexual
Ensino Básico
Questionário
Issue dateMar-2015
PublisherUniversidade do Minho. Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC)
CitationMarinho, S. & Anastácio, Z. (2015). Conceções de Alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico sobre Sexualidade e Educação Sexual. In Z. Anastácio (Coord.). Atas do Congresso de Educação Sexual em Meio Escolar e Meio Institucional. Edição: Centro de Investigação em Estudos da Criança, Instituto de Educação, Universidade do Minho, pp. 107-123
Abstract(s)Nesta investigação procuramos averiguar as conceções e necessidades de alunos do 1.ºCEB sobre sexualidade e educação sexual (ES), como ponto de partida para delinear intervenções adequadas. Construímos e validámos um questionário, que aplicámos a alunos de 3.º e 4.º anos de escolaridade de um agrupamento de escolas do concelho do Porto. Responderam 96 alunos (45 raparigas e 51 rapazes), cuja média de idades foi de 8.95 anos. Destes, 52 frequentavam o 3.º ano e 44 o 4.º ano. Os dados obtidos foram tratados e analisados com o programa SPSS. Sobre o papel que a ES pode desempenhar no desenvolvimento das crianças, a maioria dos alunos considerou que: “conhecer o corpo é importante para crescer saudável”; “conhecermo-nos a nós e aos outros ajuda a sermos mais amigos”; “nem sempre os meus amigos sabem o que é melhor para mim”; “conhecer o corpo torna-nos mais responsáveis”. As raparigas concordaram mais com esta afirmação. Verificámos que os alunos atribuem importância ao papel da escola na ES, pois, na sua maioria, consideraram que: “a escola é um local onde posso fazer perguntas sobre o corpo e o nascimento dos bebés à vontade”, “os professores sabem responder às minhas perguntas sobre o corpo e o nascimento dos bebés” e “gostava de participar em mais atividades sobre o corpo e o nascimento de bebés na escola”. Foram os alunos de 3.º ano que mais concordaram com estas afirmações. A maioria dos alunos (81%) referiu que gostaria que fossem os professores a falar sobre o corpo e o nascimento dos bebés, em detrimento dos amigos, pai e psicólogo escolar. Os alunos do 3.º ano concordaram mais com os professores como responsáveis pela ES e as raparigas concordaram menos com o pai. Estes resultados devem ser considerados na elaboração de projetos de ES, para conseguirmos intervenções eficazes junto do público-alvo.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/39636
ISBN978-972-8952-37-2
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEC - Textos em atas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Atas_CESMEMI_Marinho&Anastacio2.pdf315,03 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID