Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/28070

TitleIonic permeability of soft contact lenses
Other titlesPermeabilidade iónica das lentes de contacto moles
Author(s)Silva, Ana Rita Ferreira da
Advisor(s)González-Méijome, José Manuel
Compañ-Moreno, V.
KeywordsDifusão
Hidrogel
Permeabilidade iónica
Silicone hidrogel
Diffusion
Hydrogel
Ionic permeability
Silicone hydrogel
Issue date2013
Abstract(s)A permeabilidade iónica das lentes de contacto ao sal é considerada pelos fabricantes um parâmetro de controlo de qualidade do material. Este parâmetro diz respeito à capacidade dos iões de Na + Cl- passarem através da matriz da lente de contacto e, acredita-se que o movimento da lente de contacto sobre a superfície ocular seja afetado quando este assume valores inferiores a 2-4 × 10 -7. Contudo existe pouca informação bibliográfica disponível referente a este assunto. Recorrendo à técnica de Ionoflux, em que a lente estudada é colocada entre dois compartimentos contendo água ultrapura e solução de 1M de NaCl, medimos a permeabilidade iónica de uma lente de hidrogel convencional e de três de silicone hidrogel. A razão pelo qual estas lentes foram escolhidas deve-se ao facto de terem diferentes conteúdos em água e desenho similar quando são do mesmo fabricante. Foram avaliadas as seguintes condições experimentais: permeabilidade iónica das lentes de contacto a iões Na+ Cl- com agitação na câmara dadora, sem agitação na câmara dadora depois de estas terem sido previamente banhadas numa solução NaCl 1M ou em água ultra pura. Foi também avaliado qual o efeito da potência das lentes (-1.00,-1.50 e -4.75) e o efeito de 1 mês de uso no valor da permeabilidade iónica das lentes Comfilcon A. Este trabalho permitiu constatar que existem diferenças na ordem de menos de 5% entre as condições experimentais com e sem agitação. Também se verificaram diferenças significantes no valor da permeabilidade iónica obtida quando as lentes foram previamente banhadas em água pura e em solução de 1M de NaCl. Resultados inovadores foram obtidos quando foi avaliado o efeito de uso durante um mês no valor de permeabilidade iónica: diminuição de cerca de 25 a 38% da permeabilidade iónica. Entre as lentes de -1.00 e -4.75 verificou-se um incremento de cerca de 26% na permeabilidade iónica.
The ionic permeability of contact lenses salt, is regarded by manufacturers as a quality control parameter of the material. This parameter refers to the ability of the Na + Cl ions have to pass through the matrix of the contact lens and it is believed that the movement of the contact lens over the ocular surface is affected when this assumes values lower than 2.4 × 10 -7. However, there is little biographical information available concerning this subject. Using the Ionoflux Technique, wherein the lens studied was placed between two compartments, containing ultrapure water and 1M NaCl solution, we measure the ion permeability of a lens of conventional hydrogel and three silicon hydrogel. The reason that these lenses were chosen due to the fact that they have different water contents and similar design when they are of the same manufacturer. We evaluated the following experimental conditions: ionic permeability of contact lenses to Na+ and Cl- ions with stirring in the donor chamber, without stirring in the donor chamber, after they have previously been soaked in 1M NaCl solution or ultrapure water. It was also evaluated the effect of power lens (-1.00, -1.50 and -4.75) and the effect of 1 month using in the value of the ion permeability of lenses Comfilcon A. With this work it was established that there are differences in the order of less than 5% between the experimental conditions with and without stirring. Also no significant differences were found in the ionic permeability value obtained when lenses were first soaked in pure water and in a 1M NaCl solution. Completely innovative results were obtained when we evaluated the effect of using for a month in the ionic permeability value. With use there was a decrease of about 25 to 38% of the ionic permeability. Between -1.00 and -4.75 D lenses there was an increase of about 26% in ionic permeability.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Optometria Avançada
URIhttp://hdl.handle.net/1822/28070
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CDF - OCV - Dissertações de Mestrado/Master Thesis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação MOA (RITA SILVA) vtina2.pdf1,15 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID