Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/27648

Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorJorge, Jorge-
dc.contributor.advisorGonzález-Méijome, José Manuel-
dc.contributor.authorOliveira, Jaime Almeida-
dc.date.accessioned2014-01-24T15:35:46Z-
dc.date.available2014-01-24T15:35:46Z-
dc.date.issued2013-
dc.date.submitted2013-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/1822/27648-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Optometria Avançadapor
dc.description.abstractAlterações da função acomodativa e/ou da visão binocular são problemas com que muito comummente o profissional se depara na prática clínica, no entanto, e embora sendo problemas frequentes no seio da população, estes carecem de estudos acerca da sua prevalência, nomeadamente na população universitária em Portugal. As tarefas realizadas em visão próxima tais como leitura e a utilização de computadores e ecrãs de visualização de dados, são das tarefas mais frequentemente associadas a um maior grau de desconforto visual e dores de cabeça, sugerindo a possível existência de disfunções binoculares e/ou distúrbios acomodativos do sistema visual. Deste modo, o presente trabalho foi proposto com a finalidade de melhor perceber qual a influência do trabalho de perto associado ao estudo no equilíbrio binocular e na função acomodativa. Neste sentido, foram avaliados 29 estudantes universitários com idades entre os 18 e 32 anos, tendo sido realizado um conjunto de exames visuais em duas alturas distintas, no início do ano letivo e após um período de trabalho mais intenso em visão próxima (estudo) na época de exames. Foi avaliado o estado refrativo, assim como o estado da função acomodativa e do equilíbrio binocular em ambas fases. Através dos principais resultados obtidos pode-se afirmar que o trabalho mais intenso em visão próxima altera de forma estatística e clinicamente significativa a função acomodativa e o equilíbrio binocular. Verificou-se também que indivíduos mais endofóricos apresentaram uma diminuição mais acentuada da função acomodativa, particularmente na acomodação relativa negativa e na flexibilidade acomodativa monocular. Registaram-se também relações estatisticamente significativas entre as alterações nos distintos parâmetros em análise. No entanto algumas destas correlações não têm uma explicação óbvia do ponto de vista clínico pelo que será necessário realizar mais estudos nesta temática e com uma amostra mais alargada para assim poder comprovar a existência, e o sentido da relação entre estes parâmetros.por
dc.description.abstractAlterations in accommodative function and binocular vision are problems which are commonly found by the professional in the clinical practice, however, in despite of being common problems among the population, limited research is available about its prevalence among the population, particularly in the Portuguese university population. Near tasks such as reading and computer and VDT using are often associated to a greater level of visual discomfort and headaches, suggesting the existence of binocular dysfunctions or/and accommodative disorders of our visual system. Thus, the following theory was proposed in order to better understand the influence of nearwork in the binocular and accommodative balance. In this sense, 29 university students with ages between 18 and 32 years old were subjected to visual examination in two different periods, at the beginning of the school year and right after a period of more intensive nearwork (studying) in the exams season. It was assessed the refractive error, as so as the accommodative function and binocular balance in both periods. With regard to the main results, it can be state that more intensive near-work changes in a statistical and clinical way the accommodative and binocular function. It was also found that more esophoric patients presented a greater loss of the ability of the accommodative function, particularly in the negative relative accomodation and the monocular accommodative facility. There are also some statistically significant relations between the alterations of the different analyzed parameters. However, some of these correlations don’t have an obvious explanation from the clinical point of view, suggesting that further studies are necessary in this domain and involving larger sample in order to verify the existence and direction of the relation between those parameters.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsrestrictedAccesspor
dc.subjectEstudantes universitáriospor
dc.subjectDisfunções binocularespor
dc.subjectDistúrbios acomodativospor
dc.subjectTrabalho em visão de pertopor
dc.subjectARNpor
dc.subjectFlexibilidade acomodativapor
dc.subjectUniversity populationpor
dc.subjectBinocular dysfunctionspor
dc.subjectAccommodative disorderspor
dc.subjectNearworkpor
dc.subjectNRApor
dc.subjectAccommodative facilitypor
dc.titleAlterações da função acomodativa e equilíbrio binocular na população universitária durante o ano letivopor
dc.typemasterThesispor
dc.subject.udc617.7-
dc.identifier.tid201347172por
sdum.uoeiEscola de Ciênciaspor
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CDF - OCV - Dissertações de Mestrado/Master Thesis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Jaime_Almeida_Oliveira.pdf1,8 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy!

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis