Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/2522

TitleAvaliação dos ensaios correntes para a medição da durabilidade do betão
Author(s)Ferreira, Rui Miguel
Jalali, Said
Issue dateSep-2001
PublisherUniversidade do Minho. Departamento de Engenharia Civil (DEC)
JournalEngenharia Civil
Citation"Engenharia Civil". ISSN 0873-1152. 12 (Set. 2001). p. 41-54.
Abstract(s)Medidas prescritivas como a razão água/material cimentício máxima, dosagem mínima de material cimentício e recobrimento mínimos são apresentadas pela NP ENV 206 [1] como medidas para assegurar a durabilidade do betão. Estes parâmetros variam muito num só elemento de betão dependendo de diversos factores como as condições de cura, a mão de obra, a qualidade do betão, entre outros [2]. Há a necessidade de implementar normas baseadas no desempenho em que a qualidade do betão é determinado adequadamente. São necessários ensaios de durabilidade que avaliam o desempenho do betão. O trabalho desenvolvido baseia-se na avaliação de cinco ensaios diferentes [3]: a resistência à compressão, a resistividade eléctrica, a permeabilidade ao oxigénio, o ensaio de migração do ião de cloro “CTH Rapid Method”, a absorção capilar e a permeabilidade ao oxigénio. Verifica-se que, os resultados tornam-se mais fiáveis quanto maior a idade e melhor a qualidade do betão. A comparação do factor de sensibilidade dos ensaios indica que a permeabilidade ao oxigénio é extremamente sensível a variações na qualidade do betão.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/2522
ISSN0873-1152
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:REC - Número 12

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Pag_41-54.pdf654,94 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID