Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/10764

TitlePatologia e reabilitação de revestimentos de fachadas
Author(s)Chaves, Ana Margarida Vaz Alves
Advisor(s)Camões, Aires
Issue date26-Oct-2009
Abstract(s)O presente trabalho pretendeu relacionar manifestações de patologia com os diferentes tipos de revestimento exterior de fachada. Nesse sentido, foi efectuado um levantamento de manifestações de patologia, com especial enfoque para os revestimentos de pintura e cerâmicos, tendo-se, posteriormente, definido uma área territorial (cidade de Valpaços), onde foi efectuada uma caracterização do edificado existente. De entre 64 edifícios multifamiliares analisados no território estudado, foram seleccionados 5 edifícios, nos quais recaiu um estudo mais detalhado, onde, para além de identificar as anomalias existentes, procurou definir-se uma metodologia de reabilitação/restauro conservativa salvaguardando a funcionalidade e o aspecto estético da fachada exterior dos mesmos. Denotou-se que as manifestações patológicas averiguadas nas fachadas dos edifícios, advêm sobretudo de uma falta de qualidade do projecto, dos materiais e de uma mãode- obra deficiente, aliados a uma inexistente manutenção preventiva e reparativa, o que contribui para a sua crescente degradação. Verificou-se também que a fissuração e o descolamento do revestimento foram as principais anomalias encontradas e as causas resultam sobretudo de um não tratamento adequado na transição de elementos com funções distintas (ligações laje/alvenaria) e a problemas decorrentes de infiltrações. Este trabalho contempla ainda, numa fase posterior, um conjunto de recomendações, que norteiam na definição de soluções para a reabilitação de fachadas de edifícios correntes, consoante o tipo de revestimento, de forma a se garantir que as mesmas asseguram resultados satisfatórios a longo prazo.
This study intended to relate manifestations of pathology with the different types of exterior coating of facade. In this way, a survey of manifestations of pathology was carried out, with special focus to the coatings of paint and ceramics, having subsequently been defined a territorial area (city of Valpaços) in which a characterization of the existing buildings was made. Among 64 residential buildings with multiple floors examined in the studied territory, 5 were selected, in which a more detailed study was carried out, where, besides identifying the existing anomalies, a methodology for conservative rehabilitation/restoration was sought safeguarding the functionality and the aesthetic aspect of the exterior facade of the buildings. It was shown that the pathological manifestations checked in the facades of the buildings result, above all, from a lack of quality in design, materials and a deficient workmanship, allied with a non-existent preventive and reparative maintenance, which contributed to its increasing degradation. It was also verified that the cracking and displacement of the coating were the main anomalies found and the causes result especially from non-suitable treatment in the transition of elements with distinct functions (connection between flagstone and masonry) and problems resulting from infiltrations. This study also includes, in a subsequent stage, a set of recommendations that guide us in the definition of solutions for the rehabilitation of facades of common buildings, according to the type of coating, in order to ensure that these provide satisfactory results at long term.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Engenharia Civil (área de especialização em Materiais, Reabilitação e Sustentabilidade da Construção)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/10764
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
CEC-MAT - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Final ana chaves.pdf3,33 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID