Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/9611

TitleDos postais ilustrados aos posts nos weblogues: para uma sócio-semiótica da imagem e do imaginário
Author(s)Martins, Moisés de Lemos
Pires, Helena
Oliveira, Madalena
KeywordsPostais ilustrados
Imaginário
Imagem
Issue date2007
PublisherUniversidade do Minho. Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS)
CitationMARTINS, Moisés de Lemos ; PINTO, Manuel, org. – “Comunicação e cidadania : actas do Congresso da Associação Portuguesa de Ciências da Comunicação, 5, Braga, Portugal, 2007”. Braga : Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho, 2008. ISBN 978-989-95500-1-8. p. 2959-2969.
Abstract(s)Singular registo etnográfico dos povos, os postais ilustrados atravessaram a modernidade ligados às formas mais íntimas de comunicação interpessoal. Fenómenos absolutamente populares, revelaram-se inclusive instrumentos de promoção turística e de publicidade. No entanto, é na fixação da memória que estes meios de comunicação efectivamente se consolidam. Precursores dos actuais postais electrónicos, os postais ilustrados pertencem à história da comunicação, a que não é alheia a história das tecnologias de informação pela imagem. Entre a ilustração rudimentarmente gravada em cartões e a imagem de natureza digital está pouco mais de um século, marcado por transformações profundas nos modos de comunicar. Mais imediatos que os postais ilustrados em cartões, os postais electrónicos mantêm ainda, no entanto, os caracteres típicos deste meio de comunicação: uma escrita breve ancorada em imagens ilustrativas, etnográficas, geográficas ou publicitárias. Fazer a história dos postais ilustrados é, pois, um modo de perceber a evolução específica de suportes marginais tão importantes para os estudos comunicacionais como a imprensa ou os media audiovisuais. Com efeito, tendo despertado o interesse de tantos coleccionadores e motivado inclusive exposições e publicações da especialidade, os postais ilustrados parecem fundamentais ao entendimento dos modernos instrumentos de comunicação. Antecipando o advento dos e-cards e dos posts em weblogs, os postais ilustrados são, em certa medida, um modo de atravessar a Modernidade e perceber como chegamos a formas de comunicar ditas pós-modernas. Procurando fazer a história deste já velho meio de comunicação, pretendemos, num projecto iniciado em Julho de 2007 e que apresentamos no âmbito desta comunicação, promover uma abordagem especulativa sobre o modo como os postais ilustrados – que desempenharam um importante papel na construção do imaginário popular – foram sendo substituídos por novas práticas comunicativas. E explorando este percurso desde formas mais tradicionais a modos completamente digitais de transmissão de mensagens, situamo-nos no objectivo de ensaiar uma nova teoria da comunicação que reflicta ainda o papel da tecnologia na definição das figurações do humano.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/9611
ISBN978-989-95500-1-8
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CECS - Atas em congressos | Seminários / conference proceedings

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
moiseslmartins_etal_2008_5sopcom.pdf76,85 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID