Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/61200

TitleEstilos de aprendizagem em ambiente virtual: um estudo com professores em formação
Author(s)Leite, Eliana Alves Moreira
Lencastre, José Alberto
Silva, Bento Duarte da
KeywordsEstilos de aprendizagem
Ambiente virtual de aprendizagem
Issue dateMay-2019
PublisherUniversidade do Minho. Centro de Competência TIC (CCTIC UM)
CitationLeite, E., Lencastre, J. A. & Silva, B. (2019). Estilos de Aprendizagem em Ambiente Virtual: um estudo com professores em formação. In António J. Osório et al. (orgs.), Atas da X Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Challenges 2019, Desafios da Inteligência Artificial (pp. 789-790). Braga: Universidade do Minho. Centro de Competência.
Abstract(s)Com as mudanças constantes nas formas de aprender e ensinar, os cursos de formação continuada devem preparar os professores para dialogarem com a realidade que se apresenta para a sala de aula. Assim, é preciso preparar estes profissionais para que sejam capazes de repensar as práticas metodológicas com seu alunado, de modo a incitar à ação-reflexão e à condução dialógica do conhecimento. Este estudo aborda uma metodologia quanti-qualitativa (Creswell, 2014), e um design de estudo de caso (Yin, 2001). Está em análise os estilos de aprendizagem (Kolb, 1976; Cué, 2006) de cento e trinta (130) professores em um curso de pós-graduação na modalidade blended learning, apoiados por um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). A análise está baseada em inquéritos, em observação direta das atividades aplicadas no AVA e no Fator β. Os formandos são avaliados por meio de uma métrica de mensuração não-linear (Fator β) proveniente do Modelo Learning Vectors (LV) aplicado em situações de aprendizagem online.O Modelo LV utiliza-se de menções qualitativas no estabelecimento de medidas de juízo de valor.Sua metodologia fundamentada na interação é complementada pelo coeficiente Fator β, que se associa ao desempenho do formando relativamente à sua participação nas atividades,e analisa aspectos de interação, presencialidade e evasão que o formando manifesta no AVA. Assim, o AVA, os inquéritos, as mensurações qualitativas e quantitativas, o Fator β, são aspectos que quando analisados poderão apresentar a trajetória destes formandos. A expectativa é que este estudo contribua para a reflexão sobre os estilos de aprendizagem dos professores em formação e quais os contributos que podem repercutir em suas práticas nas salas de aula. Espera-se atribuir importância em se identificar os estilos de aprendizagem desses professores e correlacionar com sua prática em sala de aula, uma vez que os seus estilos de aprendizagem poderão influenciar na sua atuação com seus alunos.
TypeConference paper
URIhttp://hdl.handle.net/1822/61200
ISBN978-989-97374-8-8
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CIEd - Textos em volumes de atas de encontros científicos nacionais e internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_Eliana_Leite_&_Lencastre_Challenges2019.pdf130,89 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID