Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/61088

TitleBitcoin: propriedades empíricas
Other titlesBitcoin: empirical properties
Author(s)Vieira, Sara Filipa Campos
Advisor(s)Oliveira, Benilde Maria do Nascimento
KeywordsAtivo de cobertura de risco
Ativo diversificador efetivo
Ativo de refúgio
Bitcoin
Correlações condicionais
Heterocedasticidade condicional
Conditional correlations
Conditional heteroscedasticity
Diversifier
Hedge
Safe haven
Issue date2019
Abstract(s)Na história da civilização humana, o dinheiro foi, sem dúvida, uma grande descoberta histórica. Mais recentemente, surgiu um novo tipo de moeda: a moeda digital. Sendo que nesta categoria a Bitcoin assume um papel de destaque. Isto significa que estamos numa era em que existem dois sistemas monetários paralelos, ou seja, a rede Bitcoin e o banco central acabam por se tornar rivais. Ao longo dos últimos anos, esta nova moeda tem suscitado o interesse de alguns investigadores que pretendem, por exemplo, estudar as propriedades empíricas ou mesmo a eficiência do mercado da Bitcoin. Com o presente estudo pretende-se, em primeiro lugar, analisar as propriedades empíricas da série temporal da Bitcoin, de modo a tentar perceber se esta série exibe as mesmas propriedades empíricas que são típicas nas restantes séries financeiras. Em segundo lugar, procura-se compreender se a Bitcoin exibe um comportamento de ativo diversificador em relação ao mercado acionista em geral, ativo de cobertura de risco ou mesmo, ativo de refúgio (como por exemplo, o ouro) em períodos de rendibilidades extremas. Neste trabalho recorre-se ao uso de modelos do tipo GARCH, recomendados por vários autores para a modelização da volatilidade condicional de séries financeiras de rendibilidades diárias. Para o período em análise pode concluir-se que a série de rendibilidades da Bitcoin exibe características normalmente associadas às séries de rendibilidades financeiras, justificando-se assim o ajustamento de um modelo GARCH (1,1). Para classificar o comportamento da Bitcoin em relação ao mercado acionista recorre-se ao uso deum modelo GARCH de Correlação Condicional Dinâmica. Em geral, a Bitcoin exibe um comportamento de ativo diversificador em relação ao mercado acionista. Adicionalmente, os resultados indicam que em períodos de variações de mercado muito extremas, representadas pelas 1% de rendibilidades mais baixas do índice S&P 500, a Bitcoin exibe, em relação ao mercado acionista, um comportamento de ativo de refúgio.
In the history of human civilization, money was undoubtedly a great historical discovery. More recently, a new type of currency has emerged: the digital currency. Being that, in this category Bitcoin assumes the main role. This means that we are in an era in which there are two parallel monetary systems, that is, Bitcoin network and central bank end up becoming rivals. Over the last few years, this new currency has been attracted the researchers’ interest who want, for example, to study the empirical properties or even the Bitcoin’s market efficiency. The present study tends to first analyze the empirical properties of Bitcoin’s time series, in order to understand if this series exhibits the same empirical properties that are typical in other financial time series. Second, we try to understand whether Bitcoin adopts the behavior of a safe haven (such as gold), a diversifier or, even, a hedge. In this work a robust methodology is used, which involves the implementation of GARCH models, recommended by many researchers for modelling the conditional volatility of the time series of daily returns. For the period under review, it can be concluded that the Bitcoin’s time series shows characteristics normally associated to the financial series, which justifies the GARCH (1,1) model implementation. In order to classify Bitcoin’s behavior in relation to the stock market, a Dynamic Conditional Correlation GARCH model is used. In general, and regarding the stock market, Bitcoin is a diversifier. Besides that, the results indicate that in extreme market variations, represented by the lower 1%t percentile of S&P500 index’s return distribution, Bitcoin is a hedge regarding the stock market.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Finanças
URIhttp://hdl.handle.net/1822/61088
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sara+Filipa+Campos+Vieira.pdf2,73 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID