Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/59414

TitleDisponibilidade interna de fundos e investimento nas empresas
Other titlesInternal funds availability and firm’s investment
Author(s)António, Ana Raquel Neves da Silva
Advisor(s)Correia, Isabel M.
KeywordsPME
Investimento
Financiamento
“Financeirização”
Indústria transformadora
Portugal
SME
Investment
Financing
“Financialisation”
Manufacturing
Issue date2018
Abstract(s)O investimento é essencial para as empresas crescerem e serem competitivas no mercado. É através do investimento em instalações, equipamentos e em processos inovadores e modernizados que as empresas podem aumentar a sua produtividade e utilizar de forma mais eficiente os seus recursos disponíveis. Porém, para investir são necessários recursos monetários, sendo que as empresas podem financiar o investimento através de capitais próprios, capitais alheios, ou da combinação dos dois. Contudo, algumas empresas enfrentam restrições de financiamento, motivadas pela presença de imperfeições no mercado de capitais, e por fatores idiossincráticos como a idade, a dimensão, a rendibilidade, o endividamento, o custo do capital, entre outros. Nos últimos anos, temos vindo a assistir a muitas transformações na estrutura das economias. As empresas começaram a realizam mais investimentos em ativos financeiros, desviando os fundos que poderiam ser destinados ao investimento real (efeito “crowding out”). Este fenómeno da substituição do investimento real por investimento financeiro, sendo o lucro imediato o principal motivo, designa-se por “financeirização”. O objetivo desta dissertação é estudar o fenómeno da “financeirização” em Portugal, usando dados ao nível da empresa. Em particular, pretendia-se investigar se este fenómeno teve influência no investimento das empresas transformadoras, entre 2008 e 2016. Para isso, foi estimada uma equação de investimento com as variáveis investimento diferido, vendas, resultado operacional, despesas financeiras e com uma medida de “financeirização”, as receitas financeiras. Os resultados obtidos não indiciam que existiu este fenómeno em Portugal e que as empresas estão a usar os seus fundos internos para realizarem investimentos financeiros, contrariando os resultados apresentados por outros autores para Portugal.
The investment is essential for companies to grow and to be competitive in the market. It is through investment in facilities, machines and innovative and modernized processes that companies can increase productivity and successfully make their available resources more efficient. However, to invest it is necessary monetary resources, and the companies can finance their investment with shareholder equity, loaned capital or a combination of both. Although, some companies face financial constraints, motivated by imperfections in the capital market and idiosyncratic factors such as age, size, profitability, level of debt, among others. In recent years, we have witnessed many changes in the structure of economies. The companies make more investments in financial assets, moving funds that could be allocated in real investment (the “crowding out” effect). This phenomenon of replacing real investment for financial investment, with profit being the main reason is designated “financialisation”. The objective of this dissertation is to study the phenomenon of “financialisation” in Portugal using a firm-level panel. In particular, it was intended to investigate if this phenomenon had an effect on the investment of the manufacturing companies between 2008 and 2016. For this, it was an investment of equation with variables deferred investment, sales, operating income, financial expenses and one measure of “financialisation”, financial profits. The results obtained don’t indicate that this can be applied to Portugal and that the companies are using their internal funds to make financial investments, contrary to the results presented by others authors for Portugal.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Economia Industrial e da Empresa
URIhttps://hdl.handle.net/1822/59414
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
EEG - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Raquel Neves da Silva António.pdf1,16 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID