Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/58034

TitlePertubação obsessivo-compulsiva e religião: uma revisão sistemática
Other titlesObsessive-compulsive disorder and religion: a systematic review
Author(s)Couto, Maria Beatriz
Morgado, Pedro
Issue date2017
JournalPortuguese Journal of Public Health
Abstract(s)Introdução: A relação entre perturbação obsessivo-compulsiva e religião tem vindo a ser estudada, quer na perturbação obsessivo-compulsiva com temas de religião quer nas outras formas de expressão da doença. Com este estudo pretendeu-se analisar a forma como as crenças religiosas podem influenciar as obsessões e compulsões de cada paciente, e vice-versa. Métodos: Foi efetuada uma pesquisa na PubMed seguida da aplicação de diversos critérios de acordo com as regras PRISMA para revisão sistemática. Foram selecionados 14 artigos que foram interpretados e relacionados entre si. Resultados: Verificou-se que existe uma estreita relação entre a religião e a perturbação obsessivo-compulsiva, existindo, contudo, um pequeno número de estudos que não confirma esta associação. A relação entre a religião e a perturbação obsessivo-compulsiva pode ser conceptualizada como causa ou como consequência, verificando-se que diferentes tipos de crenças têm diferentes efeitos no pensamento e, por esse meio, influenciam a apresentação clínica da doença. Discussão: Em suma, a perturbação obsessivo-compulsiva é fortemente influenciada pelas crenças religiosas dos pacientes. Futuras investigações poderão ajudar a esclarecer esta interação com vista a melhor compreender e tratar os doentes com elevados níveis de religiosidade.
Introduction: The relation between obsessive-compulsive disorder and religion has been studied both in obsessive-compulsive disorder with religious themes and in other forms of expression of the disease. This study aims to examine how religious beliefs can influence the obsessions and compulsions of each patient, and vice versa. Methods: A survey was performed on PubMed followed by the application of various criteria according to the PRISMA rules for a systematic review. Fourteen articles were selected. The articles were interpreted and related. Results: We found a close relation between religion and obsessive-compulsive disorder. However, there are a few studies that do not confirm this association. The relation between religion and obsessive-compulsive disorder can be conceptualized as a cause or as a consequence. It was confirmed that different kinds of beliefs have different effects on the human mind and human thoughts and, by this means, they influence the clinical presentation of the disease. Discussion: The obsessive-compulsive disorder is strongly influenced by the patient’s religious beliefs. Further investigations may help clarify this interaction in order to better understand and treat the patients with high levels of religiousness.
TypeArticle
URIhttp://hdl.handle.net/1822/58034
DOI10.1159/000479754
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:ICVS - Artigos em Revistas Internacionais com Referee

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Couto B 2017.pdf226,54 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID