Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/57803

TitleA presença e a importância dos media nos tempos livres das crianças
Other titlesThe presence and importance of media in children's free time
Author(s)Ribeiro, Daniela Catarina Fernandes
Advisor(s)Pereira, Sara
KeywordsCrianças
Tempo livre
Lazer
Media
Mediação parental
Children
Free time
Leisure
Media
Parental mediation
Issue date2018
Abstract(s)Na sociedade contemporânea, os tempos livres das crianças são, amiúde, condicionados pela influência das instituições e das atividades extracurriculares o que, consequentemente, diminui as práticas de lazer das crianças. As práticas lúdicas que as crianças manifestam no seu brincar passam, na atualidade, também pelos media, evidenciando-se a importância da mediação parental com vista à educação mediática. Assim, o presente estudo pretende, em termos gerais, compreender como é que as crianças vivem hoje os seus tempos livres e qual a presença e a importância dos media nesses tempos. Metodologicamente, a presente investigação seguiu uma metodologia mista dividida em duas fases. A primeira fase, de natureza quantitativa, envolveu a aplicação de um inquérito por questionário a uma amostra de 101 crianças, com idades compreendidas entre os 10 e 12 anos, a frequentar duas escolas do Ensino Básico do mesmo concelho no distrito de Braga. Por sua vez, a segunda fase, de natureza qualitativa, envolveu a dinamização de seis grupos de foco com 39 crianças de uma das escolas que participou no questionário. A análise dos resultados permite concluir que as crianças se encontram limitadas e condicionadas na prática de brincarem no exterior, devido às imensas atividades extracurriculares que realizam, ao pouco tempo livre dos pais e aos perigos que brincar na rua representa, embora tenham alguma liberdade na escolha do tipo de atividades que realizam nesses tempos. Neste contexto, os media ganham protagonismo, pois as práticas de lazer transferem-se do espaço exterior para o espaço interior onde os media são mais usados. O tempo livre das crianças é expressivamente mais ocupado com a televisão, a Internet o telemóvel e os videojogos. A par disto, percebemos que as estratégias de mediação parental mais usadas se relacionam com a mediação restritiva. Conclui-se, assim, o quão importante e relevante é para as crianças brincar no exterior, bem como utilizar os media e o quão necessário é desenvolver de forma mais expressiva medidas de mediação parental centradas na comunicação que fomentem a educação e potenciem a autonomia e o espirítico crítico e criativo da criança.
In contemporary society, children's free time is often conditioned by the influence of institutions and extracurricular activities which, consequently, diminishes children's leisure practices. The playful practices that children manifest in their playtime nowadays also go through the media, evidencing the importance of parental mediation with a view to media education. Thus, the present study, in general terms, intends to understand how children spend their free time nowadays and the presence and importance of media in these times. Methodologically, the present investigation followed a mixed methodology divided into two phases. The first phase, of a quantitative nature, involved a questionnaire survey of a sample of 101 children between the ages of 10 and 12 from two primary schools in Braga district. The second phase, of a qualitative nature, involved the dynamization of six focus groups with 39 children from one of the schools that participated in the questionnaire. The analysis of the results allows one to conclude that children are limited and conditioned when it comes to playing outside, due to the immense extracurricular activities they perform, the little free time of the parents and the dangers that playing in the street represents, although they have some freedom in the choice of the type of activities they carry out in those times. In this context, the media gains protagonism, as the leisure practices are transfered from outer space to the inner space where the media is most used. Children's free time is significantly occupied with television, the Internet, smartphones and video games. Beside this, we find that the most used parental mediation strategies are related to restrictive mediation. It is concluded, therefore, how important and relevant it is for children to play outside, as well as utilizing the media and how necessary it is to develop more expressively parental mediation measures focused on communication that foment education and empower autonomy and the critical and creative spirits of the child.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Estudos da Criança (área de especialização em Intervenção Psicossocial com Crianças, Jovens e Famílias)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/57803
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniela Catarina Fernandes Ribeiro.pdf3,3 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID