Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/56033

TítuloUrbicide perceptions and reconstruction strategies in post - war socio - urban tessitura: the case of Jobar, Damascus
Outro(s) título(s)Percepções do urbicídio e estratégias de reconstrução da tessitura socio - urbano no pós - guerra: o caso de Jobar, Damasco
Autor(es)Nabhan, Nahed
Orientador(es)Cabeleira, João
Data2018
Resumo(s)Durante as duas últimas décadas, um número significativo de novas guerras espalharam os seus danos nos tecidos sociais e físicos das cidades. O ato de urbicídio que tem sido tomado como ato de guerra cometido contra as cidades de modo a quebrar as ligações do seu tecido sócio-urbano, prejudicar a memória coletiva e a identidade social, e impor um impacto traumático nas comunidades. Desde 2011 que a Síria sofre com um conflito devastador onde as cidades se tornaram campos de batalha. Até agora destruíram-se amplas parcelas da sua estrutura física e metade da sua população foi forçada a deslocar-se, procurando refúgio em outras cidades e países. Sobre este contexto, a presente investigação procura uma visão detalhada da cidade de Damasco, o seu desenvolvimento urbano, social e político ao longo do tempo, incluindo a análise do conflito em curso e do seu impacto, de modo a pensar possíveis quadros de acção a implementar no pós-guerra. Consequentemente, devido aos numerosos efeitos das guerras, a resposta das estratégias de reconstrução é, no essencial, de responder às situações de emergência reconstruindo a estrutura física das cidades e atendendo às necessidades de socorro da população afetada. No entanto, a complexidade exigida às estratégias de reconstrução pós-guerra precisam de ser tratadas sob um entendimento amplo, visando um desenvolvimento sustentável e holístico. Este trabalho de investigação irá lançar alguma luz acerca do assunto, explorando possíveis recomendações de reconstrução e respetivas estratégias. Para o efeito, foram tomadas como referência as experiências de reconstruçãos da cidade de Sarajevo e do Acampamento Nahr el-Bared de modo a ampliar a compreensão dos processos de reconstrução pós-guerra. Uma compreensão que segue a análise da sua história, da estrutura social e configuração urbana. Adicionalmente, procedeu-se à análise da forma como as estratégias aplicadas no rescaldo do conflito armado lidaram com o trauma resultante do evento, como a memória e a identidade de seu ambiente sócio-urbano. Deste modo o presente trabalho de investigação, explorar o seguinte quadro conceptual - urbicídio, trauma, memória e identidade - a fim de definir a relação entre indivíduos e ambientes urbanos. Jobar, um município de Damasco localizado numa das frentes de batalha mais importantes do conflito sírio, foi selecionado como área de estudo para a proposta de uma visão de reinício para o seu futuro, baseada na análise da cidade de Damasco e das conclusões daí retiradas assim como das recomendações estabelecidas para as estratégias de reconstrução.
During the past two decades, there has been a significant number of new wars which spread their damage over both the social and physical fabrics of cities. The mere act of urbicide which has been taken as a mean of war committed upon cities to break down the bonds of socio-urban texture, damage the collective memory and social identity, and cause a traumatic impact on communities. Since 2011, Syria has been suffering from a devastating conflict in which cities became battlegrounds that have so far destroyed large swaths of their physical structure and forced half of the country’s population to flee, seeking refuge in other cities and countries. Therefore, this research will present a detailed overview of Damascus city, its urban, social and political development over time leading to the ongoing conflict and its impacts which will set the stage for the desired post war action. In the aftermath, due to the numerous effects of war, the immediate response of reconstruction strategies is to answer the emergency of the situation by rebuilding the physical structure and attending the needs of the affected population. However, the complexity of post-war reconstruction strategies needs to be addressed in a broader approach, aiming for a sustainable and holistic development. This research will shed some light over the subject, exploring possible recommendations for reconstruction and its strategies. As such, the reconstruction experience of Sarajevo city and Nahr el-Bared Camp have been considered as case studies in order to reach a better understanding of the post-war reconstruction process, through analyzing their history, social fabric, and urban configuration. In addition, elaborating how the strategies applied in the aftermath have dealt with the trauma that resulted in such an event, and how the memory and identity of its socio-urban environment were addressed. Thus, this research will seek to deeply examine the following conceptual framework - urbicide, trauma, memory, and identity - in order to define their relation between the individuals and urban environments. Jobar, a Damascene municipality and one of the important battle fronts in the Syrian conflict, has been selected as a sample area to propose a vision of a restart for its future, based upon analysis of Damascus city and the drawn conclusions coupled with the established recommendations of reconstruction strategies.
TipomasterThesis
DescriçãoDissertação de mestrado integrado em Arquitectura (área de especialização em Cidade e Territorio)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/56033
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:EA - Dissertações de Mestrado
BUM - Dissertações de Mestrado Integrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Nahed Nabhan - Dissertation.pdf318,37 MBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis