Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/55332

TítuloConstruíndo baratarias: de límites espaciais e infinitos ficcionais
Autor(es)Núñez Sabarís, Xaquín
Palavras-chaveQuixote literatura infinito
Data2015
EditoraInstituto Internacional Casa de Mateus
Resumo(s)Situar uma obra na Mancha foi uma das principais transgressões do Quixote, num momento no qual os universos literários percorriam os reinos mouros, a utopia dos cavaleiros ou a idealização pastoril. Cervantes cria um mundo de fortes contrastes entre os reconhecidos contornos do mundo manchego até a viagem infinita que se inicia com um fidalgo magro e chega (des)contínua até os nossos dias.
TipobookPart
URIhttp://hdl.handle.net/1822/55332
ISBN978-989-97281-1-0
e-ISBN2182-1577
Versão da editorahttp://www.iicm.pt/media/magazine/MDOC_08.pdf
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:CEH - CLit - Livros e Capítulos de Livros

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2015-Quixote.Construíndo baratarias.pdf1,43 MBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis