Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/1822/55298

TítuloTelerealidade e indústria cultural: contributos da teoria crítica para o estudo de um fenómeno pós-moderno
Outro(s) título(s)Reality shows and cultural industry: contribution of the critical theory for the study of a post-modern phenomenon
Autor(es)Castro, Ana Isabel Constâncio e
Orientador(es)Rabot, Jean-Martin
Palavras-chaveTelerealidade
Indústria cultural
Pós-modernidade
Globalização
Identidade
Media
Reality show
Cultural industry
Post-modernity
Globalization
Identity
Data2017
Resumo(s)Neste trabalho pretende-se analisar a influência que os media de um modo geral e a televisão em particular, enquanto corolário da pós-modernidade, podem exercer enquanto veículos socializadores e definidores da identidade dos indivíduos. Paralelamente, sugestiona-se que esta influência, contrariamente ao que a perspetiva pós-moderna ressalta, pode não ser inteiramente inócua. Surgem como alicerces desta exposição a ideia de pós-modernidade e os pressupostos teóricos da Escola Crítica, na esteira da conceção de indústria cultural. Pretende-se compreender qual a influência que os reality show exercem nos pensamentos e comportamentos daqueles que os visionam, sendo que se avança com a hipótese de a receção cultural de programas fortes em banalidades e parcos em conteúdos ter um potencial alienante para a população em questão.
The purpose of this dissertation is to analyse the influence that media in general and television in particular, as a product of post-modernity, can produce while being vehicles of socialization and identity definition in individuals. At the same time, and contrary to what the post-modern approach claims, it is suggested that such influence might not be entirely innocuous. The concept of Post-modernity and the theoretical propositions of the Critical Theory, in line with the concept of cultural industry, are the foundations for this discussion. The aim of this study is to understand the influence that reality shows have on the thoughts and behaviours of the viewers. In that sense, the following hypothesis is proposed: cultural reception of shows that are abundant in banalities and lack in content has the potential to alienate the mentioned population.
TipomasterThesis
DescriçãoDissertação de mestrado em Sociologia (área de especialização em Desenvolvimento e Políticas Sociais)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/55298
AcessoopenAccess
Aparece nas coleções:BUM - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
2_Dissertacao_pg24694AnaCastro.pdf2,21 MBAdobe PDFVer/Abrir

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis