Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/54499

TitleRelação Ciência Religião – uma proposta de diálogo como alternativa ao conflito
Other titlesThe relation between science and religion – a proposal to promote dialogue as an alternative to prevent conflict
Author(s)Dutra, Glênon
Advisor(s)Antunes, Maria da Conceição Pinto
KeywordsEnsino de Física
Relação ciência-religião
Formação de professores
Physics Teaching
Science-Religion Relationship
Teacher Training
Issue date30-Jan-2018
Abstract(s)Este trabalho tem como objetivo compreender como reagem alunos futuros professores de física à aprendizagem e posterior ensino de conteúdos, nomeadamente do domínio das ciências da natureza, cuja explicação científica entra, tradicionalmente, em conflito com a crença religiosa. A natureza da informação requerida para alcançar o objetivo geral desta investigação exigiu por um lado, um estudo aprofundado das fontes existentes sobre conceitos e temáticas relacionadas com o objeto de estudo, que fizemos com recurso a uma análise heurística e hermenêutica e, por outro, um estudo empírico de abordagem metodológica mista com o objetivo de recolher e analisar informações dando voz aos atores (alunos e futuros professores de física) no sentido de conhecer as suas percepções relativas à nossa questão de investigação, procurando conhecer os significados que atribuem às vivências e experiências relacionadas com a aprendizagem de conteúdos científicos que, tradicionalmente, entram em conflito com as suas crenças religiosas. Os resultados demonstraram que os problemas de aceitação ou compreensão do discurso científico dos investigados não se diferenciavam dos problemas detectados na literatura. Não foi percebida a influência do movimento criacionista científico, nem a existência de uma ―militância‖ cristã anticientífica. A ideia de que a ciência é independente da religião contrastou com o anseio dos respondentes por uma relação mais dialógica entre elas. Foi percebida uma postura acrítica na forma de aceitação e/ou rejeição, quer do discurso científico, quer do discurso religioso em função do contexto. Aparentemente as concepções que enunciam, quer o conflito, quer a independencia e incompatibilidade entre a ciência e a religião contribuem para reforçar a postura acrítica dos estudantes, quer relativamente ao discurso científico, quer relativamente ao discurso religioso. Por seu lado, a concepção que enuncia o diálogo entre ciência e religião incentiva e permite a abertura à compreensão, quer do conhecimento da ciência, quer do conhecimento da religião, abrindo caminho a uma perspetiva de conversação entre estes dois discursos que procuram descrever o mundo.
The objective of this research is to understad how students, future teachers of physics, react to learn and later teaching of contents, especially in the field of natural sciences, whose scientific explanation traditionally conflicts with religious belief. The type of information needed to achieve the general objective of this research required, on the one hand, an in-depth study of the existing sources about concepts and issues related to the object of study, this was done through a heuristic and hermeneutic analysis, on the other hand, an empirical study of mixed methodological approach with the objective of collecting and analyzing information giving voice to the actors (students and future teachers of physics) to know your perceptions about our research question, trying to understand the meanings they attribute to the experiences related to the learning of scientific contents that traditionally conflict with their religious beliefs. The results showed that the issues regarding acceptance and the understanding of the scientific discourse of the investigated ones did not differ from the problems identified in the literature. Neither the influence of the scientific creationist movement nor the existence of Christian anti-scientific militants were observed. The idea of independence between science and religion contrasted with the eagerness for dialogue. A non-critical position that does not assume explicitly the validity of any of the speeches, but does not reject them as well, using them according to the context, was observed in the study. Apparently the conceptions that enunciate conflict, independence or incompatibility between science and religion contribute to reinforce students' uncritical attitude towards science or religious discourse. In turn, the conception that enunciates the dialogue between science and religion encourages and enables the understanding of scientific knowledge and religious knowledge, allowing the conversation between these two discourses descriptors of the world.
TypedoctoralThesis
DescriptionTese de Doutoramento em Ciências da Educação (Especialidade em Filosofia da Educação)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/54499
AccessopenAccess
Appears in Collections:CIEd - Teses de Doutoramento em Educação / PhD Theses in Education
BUM - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Glenon Dutra.pdf3,46 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu Currículo DeGóis