Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/44486

TitleEducação de adultos no sistema prisional: estudo de caso sobre a educação de adultos em uma penitenciária brasileira
Other titlesAdult education in prison system: case study on adult education in a Brazilian penitentiary
Author(s)Nascimento, Valdete Batista do
Advisor(s)Torres, Leonor Lima
KeywordsEducação de adultos
Privação de liberdade
Educação social
Pedagogia social
Escolarização
Adults edcation
Freedom deprivation
Social education
Social pedagogy
Schooling
Issue date2016
Abstract(s)A presente dissertação tem como objetivo pesquisar sobre a experiência de Educação prisional desenvolvida no Estado do Rio Grande do Norte. Para tanto, realça o direito a educação dos detentos que vivem privados de liberdade. Apontamos a importância do processo de ressocialização por meio do acompanhamento educacional em uma Penitenciaria situada no Município de Caicó no estado do Rio Grande do Norte. A pesquisa desenvolve a metodologia tipo estudo de caso, buscando compreender a cultura e as relações sociais, pedagógicas e institucionais que ocorrem no interior da penitenciaria. A pergunta de partida é: Como a realidade do sistema prisional pode representar um auxilio à construção da cidadania e para o retorno dos apenados à sociedade? Tivemos como suporte teórico as concepções de ARROYO(2009), ALVES(2008), ANDER(2002), CARRASCO(1997), BECCARIA (1999), CANÁRIO(2000), CAPUCHO(2012), FERREIRA (2009), FREIRE(1992), FOUCAULT, M.(1987), GADOTTI(1999), JARDILINO2014) e LIMA(2010). A abordagem da pesquisa se configura predominantemente como qualitativa. Os sujeitos da investigação são quatorze (14) pessoas que ocupam diferentes atuações no presídio investigado. As técnicas de pesquisa utilizadas foram: questionário semiestuturado aplicados a dez (10) estudantes apenados, questionário semiestuturado aplicados a três (3) professoras do presídio e uma (1) entrevista semiestruturada com o Diretor do presídio. A Penitenciária potiguar estudada se configura como uma instituição prisional com oferta de cursos de EJA – Educação de Jovens e Adultos. Os resultados da investigação apontam que o comportamento dos apenados se apresenta com mais qualidade social quando inseridos em situação de aprendizagem escolar. De acordo com a pesquisa, faz diferença nas rotinas dos apenados freqüentar as aulas, ter rotina criativa e desafiante no dia-a-dia, ter acesso a processos de socialização com os colegas e ter interação com os agentes e/ou com a Direção. Essas são, dentre outras, experiências valiosas oportunizadas pelo momento de escolarização prisional. Os processos de educação formal são uma alternativa segura para o resgate dos sonhos que ficaram para trás. A experiência escolarnos presídios realça os projetos futuros e as esperanças no seio da prisão. Os resultados obtidos com a pesquisa desvelam a relevância atribuída a formação educacional de sujeitos privado de liberdade.
This study aims to highlight the prison education experience developed by the state of Rio Grande do Norte. Therefore, it emphasizes the education rights of the inmates who live deprived of freedom. We point out the importance of the resocialization process through educational monitoring at Peneteciária Potiguar, placed in Caicó City, at the state of Rio Grande do Norte. The research develops the case study methodology, looking for an understanding of the teaching process inside the penitentiary. The starting question is: how can the prison system reality represent some kind of aid to the building of the citizenship and the inmates’ return to the society? We have had the following theorists as theoretical support,: ARROYO (2009), ALVES(2008), ANDER(2002), CARRASCO(1997), BECCARIA (1999), CANÁRIO(2000), CAPUCHO(2012), FERREIRA (2009), FREIRE(1992), FOUCAULT, M.(1987), GADOTTI(1999), JARDILINO2014) e LIMA(2010). The approach used along this research was quantitative. There were fourteen (14) investigation subjects, people who occupy different roles at the prison. The research techniques we used were: semistructured questionnaire applied to tem (10) studying inmates, semistructured questionnaire applied to three (3) prison teachers e one (1) semistructured interview applied to the prison’s Director. The Penitenciária Potiguar of Caicó/RN is set out as a prison institution that offers EJA (Education for Young Adults and Adults) courses. The investigation’s result shows that the inmate’s behavior presents more social quality when they are inserted on a school learning situation. According to the research, attending to classes, having creative and challenging daily lives, having access to socialization processes with their colleagues, and interaction with agents and/or the director, make a difference on the inmates’ routines. Those, among others, are valuable and fortunate experiences brought by the prison schooling. The formal education process is a safe alternative to the rescue of dreams that were left behind. The schooling experience at the prisons highlights the future projects and hopes inside the prison. The results obtained by the research reveal the relevance that should be attributed to the educational formation of people deprived of freedom.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em Ciências da Educação (área de especialização em Educação de Adultos)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/44486
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Valdete Batista do Nascimento.pdf3,75 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID