Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/43049

TitleJornalismo de língua portuguesa em Macau: dificuldades e desafios
Author(s)Pinto, Hugo Miguel de Morais
Advisor(s)Santos, Luís António
KeywordsJornalismo
Macau
Língua portuguesa
Journalism
Portuguese language
Issue date2016
Abstract(s)A experiência de uma década de jornalismo de língua portuguesa em Macau, uma região de maioria linguística chinesa, suscita uma reflexão crítica a partir das dificuldades e desafios que se impõem aos profissionais lusófonos. É este o objetivo do presente relatório de atividade profissional. Além da descrição do percurso profissional iniciado com um estágio no jornal Público, com passagens pelo jornal Ponto Final e pela Rádio Macau, é exposto o atual panorama dos media na região administrativa especial chinesa, bem como o seu desenvolvimento ao longo dos anos, espelhando sempre o próprio curso da História. As incidências históricas ao longo do tempo em Macau também merecem uma apresentação na qual se destacam características (como a “soberania partilhada”, os conflitos de interesses ou o desconhecimento mútuo entre comunidades) que ainda subsistem e são consideradas, neste trabalho, de importância para a compreensão da realidade do jornalismo de língua portuguesa no território sob administração chinesa, depois de quase cinco séculos sob a alçada de portugueses. A reflexão sobre as dificuldades e desafios é complementada com os testemunhos de seis portugueses que exercem ou já exerceram jornalismo em Macau. Em concreto, tentou-se perceber qual o impacto das barreiras linguísticas e culturais na atividade jornalística, concluindo-se que, enquanto a primeira tem um peso significativo, a segunda tende a ser mais desvalorizada. Além disso, as diferentes experiências evidenciaram uma realidade da qual emergem outras questões, como os grandes obstáculos que se erguem no acesso às fontes (pessoas e informação), que, todas juntas, pintam um quadro vívido do que significa, hoje, ser jornalista de língua portuguesa em Macau.
The experience of a decade as a Portuguese-speaking journalist in Macau, a region of a Chinese linguistic majority, raises a critical reflection about the difficulties and challenges faced by the lusophone professionals. This is the purpose of this professional activities report. Besides describing my own professional career, which started with an internship at the Portuguese newspaper Público, this report further analyses the current situation of the Macau Portuguese language media, as well as its development throughout the years. Since the media mirrors Macau’s history, there’s also an examination of that very own past and its lasting features, such as "shared sovereignty", conflicts of interest or the mutual obliviousness among communities. Those, it is observed, remain and its acknowledgment is considered essential to better understand the reality of the Portuguese-speaking journalism in a territory under Chinese administration after nearly five centuries of Portuguese rule. My own reflection about the difficulties and challenges are complemented by those of six people who work or have worked as Portuguese-speaking journalists in Macau. Specifically, this report tries to assess the impact of language and cultural barriers in journalism, concluding that while the former has a significant role, the second tends to be undervalued. In addition, the answers revealed other major obstacles that make it difficult to reach sources (people and information). Together, all these elements paint a vivid picture of what it means today to be a Portuguese-speaking journalist in Macau.
TypeMaster thesis
DescriptionRelatório de atividade profissional de mestrado em Ciências da Comunicação (área de especialização em Audiovisual e Multimédia)
URIhttp://hdl.handle.net/1822/43049
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado Integrado
CECS - Dissertações de mestrado / Master dissertations

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Hugo Miguel de Morais Pinto.pdf3,46 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID