Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/1822/42294

TitleContrabando: a indústria número um, à beira mar ou à beira Minho: um estudo de caso sobre as práticas contrabandistas em Monção (anos 50-70 do século XX)
Author(s)Pacheco, Marco António Alves
Advisor(s)Ferreira, Fátima Moura
Issue date2016
Abstract(s)O estudo que se apresenta toma por objeto de análise o contrabando de pequena escala praticado em Monção, região do Alto Minho, durante os anos 50 e 70 do século XX. Desta feita, a análise das práticas de contrabando distribui-se em dois grandes capítulos. O primeiro capítulo situa o objeto no quadro da investigação das Ciências Sociais desenvolvida nas duas últimas décadas. Sumaria, por um lado, as principais abordagens que têm sido propostas sobre o tema, e reflete, por outro lado, sobre as questões teórico-metodológicas que se colocam aos estudos centrados na memória social e na valoração dos testemunhos orais como fonte histórica. O segundo capítulo centra-se sobre o universo das práticas do contrabando em pequena escala em Monção, no contexto do contrabando de fronteira, característico das regiões da raia, de Norte a Sul do País. Analisa-se a organização dos grupos, a interação com as forças de autoridade dos dois lados da fronteira, os sentidos atribuídos à actividade que se configurava como prática ilegal e clandestina, no Portugal ditatorial. Cartografam-se as rotas e a rede de postos das autoridades e regista-se um corpo de testemunhos com o fim de contribuir para a preservação e valorização do património histórico e cultural da comunidade.
The present study presents an analysis of the small scale smuggling practiced in Moncão, Alto Minho region, in the 50´s and 70´s of the twentieth century. This time, the analysis of smuggling practices is distributed in two major chapters. The first chapter puts the subject in the frame of research of Social Sciences developed in the last two decades. Summarizes the main approaches that have been proposed on the theme, and reflects, on the other hand, on the theoretical and methodological issues faced by studies focused on social memory and assessment of oral testimony as historical source. The second chapter focuses on the smuggling practices of the universe on a small scale in Monção, in the context of typical border smuggling, from North to South of Portugal. We study the organization of groups, the interaction with the two sides of the border authority forces, the meanings attributed to the activity that was configured as illegal and clandestine practice, on dictatorship. I researched up the routes and the authority’s station network and record a body of evidence In order to contribute to the preservation and enhancement of historic and cultural heritage of the community.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado em História
URIhttp://hdl.handle.net/1822/42294
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
DH - Dissertações de Mestrado/Master Thesis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Marco António Alves Pacheco.pdf4,11 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID